Descubra o que é e como calcular o ticket médio

Sabe o que é e como calcular o ticket médio? Descubra como utilizar esse indicador para melhorar o desempenho do seu negócio.

Você sabe o que é e como calcular ticket médio? Esse é um indicador importantíssimo para avaliar o desempenho do negócio e implementar mudanças para elevar as receitas da empresa.

Com ele, é possível saber quanto você fatura por cliente.

Já tem essa resposta na ponta da língua?

Se não, talvez seja a hora de prestar atenção.

Já imaginou como seria a situação da empresa se o faturamento fosse 10% ou 20% maior?

Esse resultado não será fácil, mas a análise do ticket médio facilita a tarefa.

Isso porque uma avaliação cuidadosa desses números pode revelar diversas deficiências no processo de vendas e ofertas.

Talvez uma pequena mudança de postura signifique uma reviravolta no final do mês.

Ficou interessado?

Siga a leitura do artigo e saiba como aumentar o ticket médio com a identificação de oportunidades que você não está enxergando neste momento.

Você vai conferir nas próximas linhas:

O que é ticket médio

O ticket médio é um indicador de desempenho essencial que fornece o valor médio de vendas por cliente.

Para calcular o ticket médio, basta dividir o faturamento total pelo número de vendas do período.

Também é possível calcular o ticket médio de determinado produto, serviço ou categoria, conforme a necessidade da empresa.

Ao lado de outras métricas importantes, o ticket médio fornece informações valiosas para a elaboração do planejamento de vendas e melhora dos resultados.

No entanto, esse indicador deve ser interpretado com base em um histórico de medições, pois um valor isolado não diz nada sobre o andamento dos negócios.

Por exemplo, se você comparar o ticket médio de uma concessionária de veículos com o de uma perfumaria, naturalmente a venda de cosméticos e produtos de beleza terá uma média de valor bem inferior.

Naturalmente, isso não significa que a perfumaria está tendo um desempenho ruim, pois é preciso analisar outros fatores para determinar o crescimento das vendas.

De modo geral, o aumento do ticket médio é um ótimo sinal, pois indica que os clientes estão gastando mais em cada compra.

Levando em conta que é mais fácil vender mais para os clientes existentes do que conquistar novos clientes, as ações para aumentar o ticket médio são essenciais para alavancar o faturamento da empresa.

Na hora de avaliar o ticket médio, você também precisa considerar métricas como a lucratividade, rentabilidade, margem de contribuição e outros indicadores da área de vendas, finanças e marketing.

O mais importante é avaliar os resultados periodicamente para efeitos de comparação, determinando se o ticket médio vem aumentando, diminuindo ou se mantendo estável.

Como calcular ticket médio

Para chegar ao valor do ticket médio, uma conta muito simples deve ser feita. São apenas quatro passos. Confira só:

  1. Primeiro, considere um período, que pode ser um dia, uma semana ou um mês
  2. Depois, verifique quantos clientes foram atendidos e o valor registrado em vendas
  3. Por fim, divida esse valor pelos clientes
  4. Pronto: temos o ticket médio para o período avaliado.

Assim, percebe-se que o ticket médio mantém uma relação direta com a fatia de mercado que uma empresa atende. Portanto, ao fazer o seu cálculo, esse dado pode ser também avaliado, o que por si só já indica algumas providências que poderão ser adotadas.

Uma forma de aumentar a participação no mercado e, em consequência disso, elevar o ticket médio, é realizando um estudo de caso.

Também o benchmarking é uma das maneiras de se posicionar no mercado, tomando como referência empresas concorrentes. Se um estabelecimento do mesmo ramo consegue atender mais clientes que você, é sinal de que tem um diferencial que atrai as pessoas.

Assim, a forma mais direta de perceber aumento nas vendas é chamando mais clientes. Um comparativo com os concorrentes ajuda, mas existem outras formas de aumentar a participação no mercado. Algumas delas são:

  • Reforçar as equipes de vendas: se as pessoas não compram na sua empresa, pode ser um sinal de que elas não estão sendo estimuladas a isso.
  • Investir em publicidade: a expressão “quem não é visto não é lembrado” cabe perfeitamente quando o assunto é chamar mais clientes. Anúncios nas mídias de massa podem surtir efeito rápido, embora o custo-benefício seja bastante relativo.
  • Investir em marketing digital: a internet é a mídia mais acessada pelos brasileiros. De acordo com a última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD) do IBGE, em 2015, mais de 100 milhões de pessoas tinham acesso à web.

Exemplos de cálculo do ticket médio

Vamos acompanhar um exemplo básico de cálculo do ticket médio para ilustrar o indicador.

Suponha que uma loja de eletrônicos tenha realizado oito vendas em um dia, com os seguintes valores: R$ 150, R$ 75, R$ 275, R$ 340, R$ 120, R$ 300, R$ 460 e R$ 30.

Logo, o faturamento total foi de R$ 1.750. Dividido pelas 8 vendas, resulta em um ticket médio de R$ 218,75 no período.

Esse valor oscila bastante a cada dia, por isso é importante ter os ticket médios de cada mês para mensurar o desempenho das vendas.

Para facilitar a compreensão das estratégias que envolvem o ticket médio, podemos analisar alguns cases de empresas que conseguiram aumentar o valor gasto pelos clientes.

Como aumentar o ticket médio

É possível aumentar o ticket médio de diversas maneiras. Algumas delas são criar promoções e combos para vendas casadas, atendimento mais eficiente, diversificação de canais de vendas, treinamentos de vendedores e oferta de produtos de maior valor.

Vamos entender melhor essas possibilidades? Acompanhe:

Ofereça maior variedade de produtos

Para aumentar o ticket médio de forma mais rápida, sua empresa pode, por exemplo, elevar o mix de produtos oferecidos. Vamos fazer um exercício?

Supondo que uma loja venda pneus. Para aumentar o ticket médio, uma boa opção seria oferecer, junto com pneus, silicone para dar brilho, esponjas para limpeza e máquinas lava-jato, entre outros itens.

Evidentemente, se esses produtos acessórios não são oferecidos, será necessário calcular o Custo de Mercadorias Vendidas (CMV) de cada um.

Quando os produtos já são vendidos, a questão pode se resumir apenas ao merchandising, ou seja, à forma como os produtos são expostos no Ponto de Venda (PDV). Um simples reposicionamento na gôndola ou prateleira pode fazer muita diferença e elevar o ticket médio sem tanto esforço.

Invista no treinamento dos vendedores

Uma das possíveis causas para as vendas não serem tão robustas é que os vendedores não estão desempenhando bem o seu papel. Será que eles estão engajando devidamente os clientes e apresentando todas as vantagens dos produtos?

Para garantir resultados melhores, vale a pena oferecer feedbacks constantes, analisar as práticas atuais e tentar mostrar caminhos para que eles consigam se expressar melhor, angariar a confiança dos consumidores e reforçar as vendas.

Capriche no atendimento

Além de investir no treinamento dos vendedores, vale a pena olhar com atenção para o atendimento que você oferece para quem entra em contato com a sua empresa.

Lembre-se: toda comunicação é uma chance de venda. Por isso, se o um cliente entra na loja buscando por determinado produto, o atendimento correto pode levá-lo a concretizar aquela intenção de compra e ainda se interessar por outros itens.

Faça promoções e ofereça descontos

Conhecendo sua margem de lucro e tendo como referência o indicador markup, é possível trabalhar de forma mais assertiva com promoções e descontos.

É possível garantir o aumento nas receitas, desde que os percentuais sejam concedidos de forma a respeitar os limites impostos pela margem de lucro.

Outra maneira de gerar benefícios para o cliente é oferecendo brindes por valor comprado.

Muitos estabelecimentos trabalham dessa forma e conseguem aumentos expressivos em seus tickets médios, oferecendo mercadorias avulsas ou cupons promocionais por valor gasto.

Se a opção for por uma estratégia promocional, é importante certificar-se de que o estoque está preparado para o aumento na demanda. Nada pior para uma empresa do que se ver impossibilitada de atender simplesmente porque não consegue manter estoques compatíveis com o volume de vendas.

E por falar em armazenagem, é igualmente importante, ao lançar estratégias para aumento nos lucros, contar com ferramentas de gestão de estoque.

Mantenha bom relacionamento com clientes 

Uma máxima no meio empresarial diz que “é muito mais difícil manter um cliente fiel do que conquistar novos”.

A verdade é que clientes já conquistados tendem a se tornar mais exigentes, uma vez que já conhecem sua empresa e sabem o que esperar dela.

Por outro lado, em ações visando aumentar o ticket médio, clientes antigos representam um CAC muito menor, pois demandam menos esforços para serem convencidos.

Eles já conhecem seus produtos ou serviços, logo, o que deve ser direcionado a eles são vantagens, até como forma de reconhecer a sua importância para o negócio.

Aqui, entra em cena um componente fundamental: o marketing de relacionamento. Até porque, conforme vimos, quem não é visto, tende a ser esquecido. Por isso, é tão importante manter a chama acesa junto aos clientes já conquistados.

Eles até podem permanecer algum tempo sem comprar, no entanto, as chances de voltarem a consumir seus produtos será maior enquanto sua marca estiver na lembrança.

Além dos meios instantâneos de comunicação, é bastante útil a utilização do e-mail marketing. Essa ainda é uma das principais geradoras de receita das lojas online.

Central de Ajuda ContaAzul

Margem de lucro na análise do ticket médio

Nessa jornada para aumentar o ticket médio, é fundamental saber o quanto você deseja lucrar a cada venda realizada.

Para isso, sua empresa deve saber exatamente qual a margem de lucro. O ideal é que toda mercadoria ou serviço prestado tenha sua margem própria.

Definir uma margem de lucro, ao contrário do que se pode imaginar, não significa estipular valores brutos. Na verdade, depende de estabelecer um percentual. Ele deve indicar o quanto determinado produto rende para a empresa depois de cobertas todas as despesas com produção e distribuição.

Resumidamente, é esse percentual que a empresa lucra a cada venda realizada. Seu cálculo, portanto, é imprescindível, quando a intenção é aumentar as receitas.

Determinar a margem de lucro é relativamente simples, bastando dividir o lucro pela receita total, multiplicando o resultado por 100. Para exemplificar, vamos considerar uma empresa que faturou R$ 15 mil em um mês e teve custos de R$ 9 mil nesse mesmo período.

  • Receita total: R$ 15.000
  • Custos: R$ 9.000
  • Lucro: R$ 15.000 - R$ 9.000 = R$ 6.000
  • Margem de lucro: R$ 6.000/R$ 15.000 = 0.40 x 100 = 40%

Logo, a margem de lucro percebida nesse mês foi de 40%.

Ticket médio é indicador importante em pequenas empresas

Precificação correta para aumentar o ticket médio

Existem muitas outras formas de atrair clientes, considerando apenas o que a empresa já oferece.

Contudo, em algumas circunstâncias, pode ser necessária uma readequação, tendo em vista o que o mercado exige. Uma delas, muito importante, e que vai impactar diretamente no valor do ticket médio, é o preço.

Provavelmente, ao buscar comparações com a concorrência, você poderá perceber que ela pratica valores mais competitivos. Seu preço, portanto, deve ser avaliado em função do que está sendo oferecido.

Se apresenta custo-benefício atraente, é sinal de que um produto ou serviço tem um preço que atrai mais compradores. Entretanto, se a vantagem não compensa, logicamente, as pessoas vão rejeitar a sua solução.

Estipular o preço de venda corretamente é, ainda, um desafio para muitos donos de negócios. Isso acontece principalmente com aqueles que se baseiam apenas em seu feeling pessoal para tomar decisões.

Usar o tino comercial não é proibido, é claro. Mas ao precificar, esse é um recurso bastante arriscado. O ideal é chegar a valores que considerem o custo de produção e uma avaliação criteriosa do mercado.

Outro critério recomendável é o cálculo do Custo por Mercadoria Vendida. Seu resultado fornece um indicador seguro de quanto uma mercadoria custa, desde sua chegada ao estoque até o momento em que passa às mãos do cliente.

É importante lembrar, nessa hora, que um aumento do ticket médio não deve ser um objetivo isolado. Vender mais sem critério pode ser contraproducente.

Ticket médio é indicador importante em pequenas empresas

Preço de venda por markup

Outra métrica muito útil na formação do preço de venda é chamada de markup. Nesse cálculo, entram as despesas fixas, variáveis e a margem de lucro.

O markup serve como referência para estipular preços, uma vez que é uma forma de pesar o custo de uma mercadoria, enquanto considera a margem de lucro. É amplamente utilizado na hora de reajustar preços, o que também é indicado para aumentar ticket médio.

Sua fórmula consiste em:

  • Markup = 100/100 - (DF+DV+ML)
  • DF - Despesas Fixas
  • DV - Despesas Variáveis
  • ML - Margem de Lucro.

Vamos supor que um produto seja vendido com valor de 15% representando despesas fixas e 18% de despesas variáveis. Nossa margem de lucro, nesse caso, será de 21%. Sendo assim:

  • Markup = 100/100 - (15+18+21)
  • Markup = 100/100 - 54
  • Markup = 100/46
  • Markup = 4,6.

Agora, vamos calcular o preço de venda desse produto, cujo custo de produção é de R$ 35. Chegaremos ao seu valor multiplicando esse custo pelo índice markup. Veja:

  • Preço de venda = CP x markup
  • Preço de venda = 35 x 4,6
  • Preço de venda = R$ 161,00.

Ticket médio é indicador importante em pequenas empresas

Ticket médio também depende do custo do negócio

A gestão de uma empresa exige grande capacidade de controlar diversas frentes de atuação. Ao mesmo tempo, cada um dos aspectos gerenciados precisa ser periodicamente avaliado por diferentes mecanismos.

Já falamos do CMV, por exemplo. Ele é um dos meios de o custo de uma mercadoria e que se reflete no negócio como um todo. Outra forma de apurar o gasto operacional é o Custo de Aquisição de Cliente (CAC). O termo já evidencia do que trata: nada mais é do que o valor que se gasta para atrair clientes até o fechamento de uma venda.

Sua fórmula, assim como calcular ticket médio, é bem simples. Basta dividir o total investido em marketing e vendas pelo total de clientes efetivamente conquistados. Na conta, pode entrar tudo que representar esforço para que as pessoas comprem seus produtos ou serviços. E isso vai da conta telefônica ao valor pago à agência de marketing digital.

Sabendo quanto custa a aquisição de novos clientes, será mais fácil avaliar o Retorno Sobre o Investimento (ROI). Essa é outra importante métrica para quem pretende aprender como aumentar o ticket médio. Sua fórmula também é muito simples:

  • ROI = (Lucro – Investimento inicial) / Investimento inicial.

Vamos supor que sua empresa investiu R$ 5.000 em uma campanha para aumentar as vendas de um produto. Como lucro, o total arrecadado foi de R$ 7.500. Logo:

  • ROI = 7500 - 5000/5000
  • ROI = 0,5

Nesse caso, o retorno sobre o investimento feito foi 0,5 vezes maior. O ROI, como todo número, deve ser considerado de forma analítica. Ou seja, o que ele vai expressar depende de uma série de fatores que o qualificarão perante as circunstâncias.

Aumente o seu ticket médio com um sistema de gestão

Como vimos neste artigo, o ticket médio é uma métrica que não pode ser ignorada.

E isso vale para todo tipo de empresa, seja qual for a sua atividade ou o seu porte.

Então, depois de aproveitar as oportunidades para vender mais e melhor que mencionamos ao longo do artigo, vale ficar atento a um aspecto essencial dessa jornada: o correto diagnóstico das finanças e das vendas da empresa.

Se você não monitora corretamente os números do negócios, não tem condições de melhorá-los, não é mesmo?

Por isso, conheça a Conta Azul, uma plataforma de gestão que conecta todas as áreas do seu negócio, acelera as rotinas operacionais, apresenta insights poderosos para a tomada de decisões e, assim, facilita as vendas e a elevação do seu ticket médio.

Central de Ajuda ContaAzul

Gostou das dicas? Deixe um comentário e compartilhe este artigo nas suas redes sociais.

Quer acesso a materiais gratuitos?

Junte-se a mais de 800 mil donos de negócio e receba gratuitamente novidades e dicas sobre financeiro, nota fiscal e gestão selecionadas pela ContaAzul.

 
<https://cta-service-cms2.hubspot.com/ctas/v2/public/cs/c/?cta_guid=50ebdc92-329a-40a1-9caf-fa81543a8adc&placement_guid=2fe57723-5fb5-47c5-b9eb-e06d10883d31&portal_id=652034&redirect_url=APefjpH-sJodulB40LkLn3KOdjabGsRQrvD-UzG_-mxgFGYOQY7Pax91wMczwqC9tjy6OjwX00HU_Bo7PUPMr5BIKOv40gMMcHS86PIGVrS7qRooJBOJ-7oexC4LmqeY82ilgISiw_vgWj_M6UrXXz1MrtJWPp1fCkV3L8k9Z1TtKD_8zvHbHbmBJ-eUK8zfoV_QfTmHP_eg4dFVeSu30yynTNlUDR2aWCt8pi1edP5oHylON5s64GfVFnCwR305nirbsqyzLULbK7y2JSzUtMlN7fQ4XNMBWGbmU8axTsYxArQmFT5Bef95SSu6-RPgLNW5AplENu_zmV3QuRJ6K_Gd5RpBPj09UQ&hsutk=69c6ede4c71301f633be694182efeb4b&canon=https%3A%2F%2Fblog.contaazul.com%2Fo-que-e-pro-labore-ab&click=2a99f1b9-eb95-4503-bbbb-7be3d73be873&pageId=5442744710&__hstc=99675841.69c6ede4c71301f633be694182efeb4b.1512590389679.1512590389679.1512647250062.2&__hssc=99675841.7.1512647250062&__hsfp=1187972499>  <https://contaazul.com/funcionalidades/controle-financeiro/>   ContaAzul é o sistema de gestão online   para você organizar sua empresa   <https://contaazul.com/funcionalidades/controle-financeiro/>  Quero Saber Mais  <https://contaazul.com/funcionalidades/controle-financeiro/>  Experimente Grátis <https://contaazul.com/cadastro/>