Aprenda como emitir nota fiscal de serviços eletrônica

como-emitir-nota.jpg

Em operação desde 2006, a nota fiscal eletrônica (NF-e) chegou para modernizar o processo de emissão de notas fiscais no país. Sai o papel, entram os arquivos eletrônicos. Para os prestadores de serviços, aqueles que pagam o Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISSQN), independentemente do regime tributário em que estejam inseridos, temos a nota fiscal de serviços eletrônica (NFS-e).

Emita Notas Fiscais de sua empresa dentro de um sistema de gestão para evitar erros

O projeto NFS-e é uma iniciativa integrada entre Receita Federal e Abrasf (Associação Brasileira das Secretarias de Finanças das Capitais). A obrigatoriedade do documento neste formato ainda não é universal, depende de cada cidade e do tamanho da empresa. A NFS-e é gerada e armazenada eletronicamente em Ambiente Nacional pela Receita Federal, pela prefeitura ou por outra entidade conveniada para documentar as operações de prestação de serviços.

Atenção: Se você precisar, saiba mais sobre a emissão de NF-e

É preciso esclarecer, porém, que existem prefeituras que ainda não usam a NFS-e e que, entre as que usam, cada uma possui suas particularidades quanto à emissão. Todavia, os sistemas públicos não são a única opção para quem quer emitir a nota fiscal de serviço eletrônica. Existem softwares e sistemas online capazes de oferecer o mesmo tipo de facilidade. Alguns ainda possibilitam a integração com outros módulos, controle de notas fiscais de entrada, entre outros benefícios.

Para ajudar você a entender como funciona e como emitir a NFS-e, elaboramos um passo a passo com as regras gerais. Confira!

1º Passo: credenciamento

Pelo site da prefeitura da sua cidade, é possível preencher um formulário de credenciamento que emitirá um protocolo para comparecimento na prefeitura. Será necessário apresentar os seguintes documentos:

  • Protocolo de solicitação de credenciamento para obtenção da senha de acesso;
  • Via original do CPF;
  • Documento de identificação do representante legal e dos atos constitutivos da pessoa jurídica.

O formulário será analisado juntamente com os documentos e, caso esteja tudo correto, sua senha será desbloqueada e um aviso será enviado por e-mail, liberando o acesso ao sistema de geração de notas.

Guia de nota fiscal eletrônica para leigos  Preparamos um guia para você entender o que é uma nota fiscal eletrônica Baixar o guia agora

 

2º Passo: acesso ao sistema

Acesse o site da prefeitura da sua cidade e vá para a área responsável pela emissão de notas fiscais. Preencha os campos solicitados com o número do CPF ou do CNPJ e senha. É possível conectar-se ao sistema por meio do certificado digital também.


Durante o primeiro contato com o sistema, lembre-se de verificar se todos os seus dados estão corretos, como: inscrição municipal, CNPJ, razão social, regime de tributação da empresa e atividades. Se houver qualquer erro, entre em contato com a prefeitura. Informações como site, resumo, e-mail e logomarca são informes extras que você mesmo pode acrescentar.

3º Passo: emissão de nota fiscal de serviços eletrônica

A emissão da nota é dividida em quatro etapas, sendo que cada uma delas determina a sequência do preenchimento. Vamos entender melhor:

1ª etapa: tomador de serviços

Inicialmente, o emissor da nota fiscal deverá escolher o método de emissão: intermediação, para o qual se indica o CNPJ da empresa que está fazendo a intermediação do serviço prestado; ou substituição, quando se aponta o CNPJ do tomador e número da nota a ser substituída e o sistema automaticamente exibe o nome para conferência. Caso nenhuma das opções seja selecionada, será gerada uma nota fiscal comum.

2ª etapa: atividades

A atividade desenvolvida pela empresa possui configurações que definem a sequência das telas de lançamento da NFS-e. Elas estão listadas no campo atividade, segundo o cadastro realizado junto à prefeitura da sua cidade. Neste caso, o usuário deve selecionar a opção que estiver mais de acordo com o serviço prestado.

3ª etapa: dedução

Esta fase só é apresentada caso, na segunda etapa, seja selecionada a opção para dedução da base de cálculo, por exemplo, se for necessário demonstrar a baixa de materiais. O preenchimento é realizado por meio do cadastro das notas fiscais recebidas com campos que identificam algumas características da nota. O valor total será deduzido integralmente da nota que está sendo emitida.

4ª etapa: detalhamento

Aqui é preciso identificar os itens que compõem a nota fiscal da mesma maneira que em uma nota convencional. Os itens deverão ser adicionados um por vez com descrição, horas de trabalho e valor de cada serviço.

Estas etapas deverão ser seguidas para que a emissão seja validada no final. Assim, quando a NFS-e é enviada, de acordo com a configuração indicada no perfil do prestador e do tomador, o sistema envia um e-mail de aviso com o endereço de acesso da nota. Existe ainda a possibilidade de remeter a nota fiscal emitida por e-mail para o cliente, basta que na hora do registro você cadastre o endereço eletrônico dele.

Além disso, a NFS-e deve conter a identificação dos serviços de acordo com a lista de serviços disponibilizada no site do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped). Em uma nota, é permitido descrever mais de um serviço, contanto que estejam relacionados a um único item da lista e que possuam a mesma alíquota e tomador de serviço.

Vale lembrar também que após o envio da NFS-e, ela fica registrada no sistema para consulta, se necessário, e para cancelamento caso seja identificado algum erro.

Existem diferenças entre nota fiscal e nota fiscal de serviços?

Sim. E a maior delas é em relação à finalidade de cada uma. A nota fiscal tem o objetivo de registar vendas de mercadorias, já a nota fiscal de serviços, como o próprio nome sugere, tem a função de listar os serviços prestados.

Notas fiscais: tudo o que você precisa saber  Preparamos uma semana especial com webinars gratuitos sobre nota fiscal.  Aproveite para tirar todas as suas dúvidas: da emissão à gestão financeira. Assista agora

Outra grande diferença é o órgão que as emite, cadastra e valida. As NF-es são emitidas digitalmente pela Sefaz (Secretaria da Fazenda) dos estados, e as NFS-es, como você já percebeu, são emitidas pelo próprio município.

Quais são os benefícios da nota fiscal de serviços eletrônica?

O sistema de NFS-e tem por objetivo simplificar a vida dos prestadores de serviços. A nota fiscal eletrônica de serviços substituirá gradativamente as tradicionais notas fiscais impressas, conforme a adequação dos municípios.

A implantação do sistema de NFS-e proporciona muitos benefícios para os seus usuários. Entre eles, destacam-se:

  • Redução do custo de impressão para prestadores de serviços;
  • Simplificação de obrigações acessórias aos contribuintes;
  • Mínimo impacto na atividade do contribuinte;
  • Eliminação de erros de cálculo e de preenchimento de documentos de arrecadação;
  • Validade jurídica do documento eletrônico;
  • Política de contingências e segurança;
  • Controle em tempo real, pelo fisco, das operações realizadas;
  • Aperfeiçoamento do combate à sonegação de impostos.

 Ainda tem dúvidas sobre como emitir nota fiscal de serviço? Comente.

Quer ter acesso a
materiais gratuitos?

 
<https://cta-service-cms2.hubspot.com/ctas/v2/public/cs/c/?cta_guid=50ebdc92-329a-40a1-9caf-fa81543a8adc&placement_guid=2fe57723-5fb5-47c5-b9eb-e06d10883d31&portal_id=652034&redirect_url=APefjpH-sJodulB40LkLn3KOdjabGsRQrvD-UzG_-mxgFGYOQY7Pax91wMczwqC9tjy6OjwX00HU_Bo7PUPMr5BIKOv40gMMcHS86PIGVrS7qRooJBOJ-7oexC4LmqeY82ilgISiw_vgWj_M6UrXXz1MrtJWPp1fCkV3L8k9Z1TtKD_8zvHbHbmBJ-eUK8zfoV_QfTmHP_eg4dFVeSu30yynTNlUDR2aWCt8pi1edP5oHylON5s64GfVFnCwR305nirbsqyzLULbK7y2JSzUtMlN7fQ4XNMBWGbmU8axTsYxArQmFT5Bef95SSu6-RPgLNW5AplENu_zmV3QuRJ6K_Gd5RpBPj09UQ&hsutk=69c6ede4c71301f633be694182efeb4b&canon=https%3A%2F%2Fblog.contaazul.com%2Fo-que-e-pro-labore-ab&click=2a99f1b9-eb95-4503-bbbb-7be3d73be873&pageId=5442744710&__hstc=99675841.69c6ede4c71301f633be694182efeb4b.1512590389679.1512590389679.1512647250062.2&__hssc=99675841.7.1512647250062&__hsfp=1187972499>  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   ContaAzul é o sistema de gestão online  para você organizar sua empresa   <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>  Quero Saber Mais  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   Experimente Grátis <https://contaazul.com/cadastro/>