Como montar loja virtual e vencer a concorrência

0 Comentários Publicado:  Assunto: Empreendedorismo

Montar loja virtual pode ser bom negócio

Em tempos de desemprego em alta, montar loja pode ser uma alternativa rápida de ganhar dinheiro, sobretudo no meio virtual. O problema é que não foi só você que teve essa ideia. Mas dá para enfrentar esse mercado altamente concorrido e se destacar.Um sistema de gestão que conecta as áreas da sua empresa: do financeiro ao comercial

Loja virtual: concorrência por todos os lados

São cerca de 14 milhões de desempregados no Brasil, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), relativos a maio. Embora não exista uma pesquisa a indicar que parte desse público veja na loja virtual uma solução, é inegável que a alternativa se mostra interessante.

Um dos atrativos de montar loja é a própria diversidade de opções. Nesse mercado, você concorre com quem empreende por oportunidade e por necessidade, disputa espaço com aqueles que só querem uma renda extra, com informais e autônomos. Vai desde quem pratica o dropshipping até os grandes varejistas. Isso sem falar nos sites estrangeiros.

Apenas entre os microempreendedores individuais, há 641.422 empresas ativas no segmento de lojas de roupas - quase 10% de todos os MEIs, que já alcançam 7 milhões de negócios no Brasil. Isso sem falar no comércio eletrônico de outros produtos.

No meio de todo esse turbilhão, você decide cavar o seu espaço e organizar uma empresa na internet. Será que vale investir em um mercado tão saturado? E, se vale, como enfrentar a alta concorrência e fazer seu negócio dar certo? Há algumas questões a pontuar e, sobre elas, falaremos a seguir.

Do que você precisa para montar loja na internet

A melhor forma de avaliar se o investimento nesse tipo de comércio vale a pena é colocando no papel e analisando tudo o que é necessário para torná-lo realidade. O primeiro ponto a observar é que, no meio virtual, suas preocupações iniciais não são necessariamente com o estoque. Afinal, elas estão muito mais relacionadas com a tecnologia e soluções em informática.

Tudo começa pela escolha da plataforma onde a sua loja irá acontecer. Ela pode ser paga ou gratuita, o que gera implicações quanto à necessidade de conhecimento das ferramentas, na possibilidade de customização do site e no suporte especializado ou não. Você pode ir pelo caminho da economia, mas talvez fique difícil se diferenciar sem investir.

Também é preciso pensar na segurança e nos meios de pagamento. Você, como consumidor, certamente se afasta de sites que aparentam insegurança, da mesma forma que acontece se o seu método preferido para finalizar a compra não está disponível. Então, se coloque no lugar do cliente.

E como deixar de lado os preparativos com a logística, incluindo as operações de frete? Para a entrega das mercadorias vendidas, você pode utilizar serviços dos correios ou transportadoras. Tudo depende do tamanho da sua operação e do seu orçamento, é claro.

Mas não vamos parar por aí. Muitos empreendedores nesse meio se enganam ao planejar seu negócio como sendo exclusivamente virtual, o que nunca é verdade. Ainda que as vendas ocorram somente pelo site, você terá uma unidade e todos os processos comuns a esse tipo de estabelecimento. Será como uma loja física, mas sem a área de vendas.

Ao enxergar dessa forma, você percebe que precisa automatizar tarefas, pois necessita de integração entre os processos e de maior controle sobre tudo o que acontece. Do pedido à entrega, da compra à venda, sem esquecer do faturamento, é preciso estar de olho em todas as demandas. Por isso, um sistema de gestão online é de grande valia.

Como enfrentar a grande concorrência desse mercado

Você acabou de ver que tem muito com o que se preocupar para montar loja virtual. Mas depois de finalmente cumprir com todas as exigências comuns à essa atividade, surgem novos desafios. E a forma como você lida com a concorrência faz toda a diferença entre o sucesso ou ser apenas mais um endereço do tipo www na internet.

1. Conheça o território a conquistar

No mundo “real”, os concorrentes são conhecidos ao definir seu público-alvo e quem são aqueles que disputam o cliente com você. Já no virtual, além desse cuidado, é preciso fazer mais. Muitos chegarão até você através de buscas no Google. Então, não deixe de verificar quem são os melhores classificados no buscador para as principais palavras-chave que seu site trabalha.

2. Observe os adversários

O benchmarking é uma estratégia bastante útil para atuar no comércio eletrônico. Afinal, depois de definidos seus concorrentes, é hora de aprender com eles. São questões a verificar:

  • Que estratégias de marketing eles usam para atrair clientes?
  • Quais os cuidados com o layout nos sites líderes?
  • Como se dá a disposição dos produtos por eles em suas lojas?
  • Como é a experiência de compra, da escolha até a finalização do pedido?
  • De que forma seus concorrentes interagem com os clientes?

3. Defina os seus diferenciais

Você talvez tenha percebido o maior valor da observação proposta no passo anterior. Afinal, ela pode ser decisiva para construir a sua estratégia. Quanto mais detalhista você for, mais preciso será para se inspirar em boas práticas e fugir das ideias que não funcionam bem.

Será esse o caminho para definir um diferencial competitivo, algo que o cliente entenda como um verdadeiro benefício e que o coloque em vantagem diante dos concorrentes.

4. Tenha cautela no preço

Segundo o  levantamento Total Retail 2016, da PwC, 53,8% dos brasileiros compram na internet em razão dos menores preços. Não dá para ignorar esse fator, como também não é saudável entrar em guerra com a concorrência.

Preço baixo, nunca é demais lembrar, depende de planejamento. Seja na loja física ou virtual, você precisa de uma negociação exclusiva com fornecedores e dominar totalmente suas finanças, conhecendo sua margem de lucro para não transformar a estratégia em prejuízo.

Você está preparado para o desafio?

Montar loja virtual, definitivamente, não é para aventureiros. Quem se arrisca nesse mercado sem planejamento dificilmente escapa do prejuízo. Mas como vimos neste artigo, apesar da saturação, ainda há espaço para empreendedores atentos às boas oportunidades.

Se esse é o caminho que deseja trilhar, não se esqueça: seja um estrategista. No comércio eletrônico, tal qual em um jogo de xadrez, é preciso observar o cenário como um todo antes de dar o próximo passo. Como abrir uma empresa? Passo a passo para tirar as ideias do papel  Preparamos um guia para descomplicar o processo de abertura do seu negócio Baixar o guia agora

Você também tem uma boa dica para quem deseja montar loja na internet? Comente!

B-430-montar-loja-istock.jpg
Você leu

Como montar loja virtual e vencer a concorrência

Gostou do artigo? Compartilhe com alguém.

Anselmo Massad
Sobre o autor

Content Manager da ContaAzul, jornalista, sempre em busca de conhecimento e informação. Especialmente as que ajudam os donos de negócios no Brasil

MUDANDO UM POUCO DE ASSUNTO

0 Comentários
 
<https://universidade.contaazul.com/lp-quero-receber-ligacao?utm_source=modal&utm_medium=cta&utm_campaign=modal-blog-retomar-controle> Pronto para retomar o controle de sua empresa? A gente pode ajudar.  <https://universidade.contaazul.com/lp-quero-receber-ligacao?utm_source=modal&utm_medium=cta&utm_campaign=modal-blog-retomar-controle>  ContaAzul é um sistema de gestão online que integra comercial, financeiro e  nota fiscal  <https://universidade.contaazul.com/lp-quero-receber-ligacao?utm_source=modal&utm_medium=cta&utm_campaign=modal-blog-retomar-controle> Quero Falar com um Especialista ✆   <https://universidade.contaazul.com/lp-quero-receber-ligacao?utm_source=modal&utm_medium=cta&utm_campaign=modal-blog-retomar-controle>
 
newsletter

Junte-se a mais de 800 mil donos de negócios:
receba nossas novidades e dicas sobre controle financeiro e gestão!