Gestão de erros: O que é e como fazer dos deslizes um trampolim

Veja como fazer uma gestão de erros eficiente

Tocar um negócio próprio impõe desafios diários. Entre eles, se diferenciar para vencer a concorrência, controlar custos, organizar processos e otimizar o tempo. Você planeja, se esforça e tenta acertar, mas o que fazer quando algo sai diferente do esperado? Neste artigo, vamos explicar como a gestão de erros pode transformar um problema em solução.

Um sistema de gestão que conecta as áreas da sua empresa: do financeiro ao comercial

Aprendendo com os erros na empresa

“Errar é humano”. “O erro faz parte do aperfeiçoamento”. “É nas piores crises que surgem as melhores oportunidades”. Você certamente já leu e ouviu muito sobre essas frases motivacionais. Ainda que as veja com desconfiança, dê a elas o benefício da dúvida e se questione: será mesmo possível crescer a partir dos erros?

A resposta é: “Depende da reação”. O que você precisa entender é que é mesmo possível identificar um equívoco e usá-lo como estímulo para um novo comportamento dentro de uma estratégia de aprendizado e melhoria contínua. Mas alcançar esse objetivo depende da sua postura diante do erro e da gravidade dele, é claro.

Pequenas empresas também cometem erros e, muitas vezes, eles são consequência de um processo de inovação. Quando o empreendedor se propõe a testar uma ideia ou a adotar novas maneiras de realizar velhas tarefas, ainda que trace um planejamento detalhado para isso, está sujeito a ter que fazer correções ao longo do caminho. É aí que entra a chamada gestão de erros.

O equívoco maior seria seguir em direção oposta e repetir comportamentos inadequados, sem avaliá-los e sem monitorar os resultados de suas ações. Nesse caso, o que seria uma tentativa de inovar acaba se transformando em uma ameaça ao faturamento e à produtividade.

5 etapas fundamentais da gestão de erros

Até aqui, você viu que também está sujeito a errar como pequeno empresário, mas que pode fazer do problema uma solução, crescendo e ajudando seu negócio a evoluir. Agora, vamos falar mais detalhadamente das etapas essenciais para colocar a gestão de erros em prática.

1. Identifique a origem do problema

Admitir que sua estratégia vem falhando é o primeiro passo para corrigi-la. Raramente, um erro será percebido antes que gere algum efeito negativo no negócio, então, o segredo é aceitar a situação e agir rápido.

2. Não tenha medo do erro

Todo erro tem solução, seja para resolvê-lo ou ao menos para amenizar suas consequências. Ter esse entendimento é importante por duas razões: para que o empreendedor não se sinta desestimulado a inovar e, ao errar, não deixe que o medo atrapalhe o enfrentamento do problema.

3. Resolva

Antes de pensar em como você pode evoluir a partir de um erro, é preciso resolvê-lo. Por mais óbvio que seja, nem todos têm facilidade em agir. Entenda que você estará errando duplamente ao negligenciar a situação.

No livro Seu Próximo Erro Será Fatal?: Os equívocos podem destruir uma organização (Ed. Bookman), Robert E. Mittelstaedt Jr. afirma que, muitas vezes, um pequeno negócio acaba ruindo por manter-se dogmaticamente fiel à ideia original, em vez de promover uma mudança que o conservaria de pé. Se há um erro, ele precisa ser corrigido. Se nada é feito, o problema se torna maior.

4. Ajuste seus processos

Você errou, admitiu e conseguiu gerenciar em tempo hábil. O que fará a partir de agora para que o equívoco não se repita? Essa é a primeira lição que resulta do problema enfrentado: é preciso analisar seus processos e adotar práticas que previnam um novo erro, mas não inibam a capacidade e as possibilidades de o negócio inovar.

5. Adote uma cultura de gestão de erros

Se você chegou até aqui, é por que conseguiu identificar o erro e enfrentá-lo, resolvendo a situação e ainda adotando medidas para evitar a sua repetição. O que acha, então, de tornar esse processo uma prática em sua empresa?

Acredite: você sempre pode fazer mais e melhor por menos. Tenha a certeza de que há falhas em todos os seus processos, algumas bastante pequenas, mas que num todo cobram um preço que pode ser alto.

Em seu livro, Mittelstaedt Jr. deixa um recado que vale a pena ser compartilhado: “Gastar tempo e dinheiro para formar uma cultura que leva os erros a sério pode ter um retorno mais alto do que qualquer outra aplicação.” Pense nisso!

Alguns dos principais erros em pequenas empresas

Seja você um empreendedor iniciante ou já experiente, está sujeito a cometer erros, tal qual acontece nas organizações maiores. O problema, como bem lembra Mittelstaedt Jr., é que as pequenas empresas geralmente têm menos recursos para evitá-los ou para se recuperar deles, além de menor flexibilidade para sobreviver com planos ou produtos alternativos.

Disso tudo, fica mais uma lição: conhecer as áreas nas quais os erros relacionados à gestão do negócio são mais comuns, para que os processos sejam constantemente monitorados e os equívocos, quando identificados, possam ser rapidamente contornados. Veja alguns exemplos:

  • Falta de controle financeiro: não monitorar receitas e despesas impede a empresa de conhecer sua realidade financeira, saber o seu valor e ainda prejudica investimentos. Anotar os dados em uma planilha seria o básico, mas sistemas de gestão online oferecem outras funções com maior praticidade e segurança.
  • Não conhecer o mercado e o cliente: principalmente se trabalha com vendas, seus resultados dependem do que conhece sobre seus concorrentes e seu público-alvo. Se pouco ou nada sabe, é um forte candidato a errar em todas as ações que propuser para vender mais. Comece por um cadastro de clientes, de preferência com acesso online.
  • Manter as contas desorganizadas: se não tem um controle sobre contas a pagar, pode perder prazos de vencimento e arcar com multas e juros. Por outro lado, se desconhecer as contas que têm a receber, pode perder dinheiro ao esquecer de realizar cobranças. Se esses erros ocorrem, pode ser pelo medo de inovar e apostar em um sistema de gestão online.
  • Falta de controle no estoque: aqui, os equívocos de gestão se multiplicam. Você erra ao deixar no estoque produtos próximos de perder a validade e também ao comprar mercadorias esquecidas lá. Ainda perde vendas por não ter o produto (vendeu tudo e não repôs) ou ter e não saber (está “escondido” em meio a outros). Novamente, a tecnologia pode resolver.

Monitore seus processos de gestão

Os problemas citados anteriormente são só alguns exemplos de erros comuns na gestão. Como abordamos ao longo do artigo, o ideal é estar sempre atento a cada uma das ações realizadas em todas as áreas da sua empresa, de forma a identificar rapidamente quando um processo falha.

Como dica final, vale relembrar: não tenha medo de errar, pois empreender exige inovar, o que demanda correr alguns riscos. Mas nunca se arrisque sem planejamento. É cuidando dos detalhes que você encontra oportunidades para crescer, mesmo em meio aos cenários mais adversos.

Manual do corte de custos inteligente  Preparamos um guia para explicar como cortar custos de sua empresa Baixe agora

Aposte em um sistema de gestão online para melhorar seus controles. Experimente grátis o ContaAzul!

Quer ter acesso a
materiais gratuitos?

 
<https://cta-service-cms2.hubspot.com/ctas/v2/public/cs/c/?cta_guid=50ebdc92-329a-40a1-9caf-fa81543a8adc&placement_guid=2fe57723-5fb5-47c5-b9eb-e06d10883d31&portal_id=652034&redirect_url=APefjpH-sJodulB40LkLn3KOdjabGsRQrvD-UzG_-mxgFGYOQY7Pax91wMczwqC9tjy6OjwX00HU_Bo7PUPMr5BIKOv40gMMcHS86PIGVrS7qRooJBOJ-7oexC4LmqeY82ilgISiw_vgWj_M6UrXXz1MrtJWPp1fCkV3L8k9Z1TtKD_8zvHbHbmBJ-eUK8zfoV_QfTmHP_eg4dFVeSu30yynTNlUDR2aWCt8pi1edP5oHylON5s64GfVFnCwR305nirbsqyzLULbK7y2JSzUtMlN7fQ4XNMBWGbmU8axTsYxArQmFT5Bef95SSu6-RPgLNW5AplENu_zmV3QuRJ6K_Gd5RpBPj09UQ&hsutk=69c6ede4c71301f633be694182efeb4b&canon=https%3A%2F%2Fblog.contaazul.com%2Fo-que-e-pro-labore-ab&click=2a99f1b9-eb95-4503-bbbb-7be3d73be873&pageId=5442744710&__hstc=99675841.69c6ede4c71301f633be694182efeb4b.1512590389679.1512590389679.1512647250062.2&__hssc=99675841.7.1512647250062&__hsfp=1187972499>  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   ContaAzul é o sistema de gestão online  para você organizar sua empresa   <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>  Quero Saber Mais  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   Experimente Grátis <https://contaazul.com/cadastro/>