A motivação segundo Maslow: O que falta para você se sentir realizado

Motivação segundo Maslow

Para alcançar bons resultados, uma empresa precisa ser feita por pessoas satisfeitas e que acreditem na sua missão e valores, desde o dono aos seus funcionários. E quando o assunto é motivação, entender a Pirâmide de Maslow e aplicá-la no ambiente organizacional pode ser um diferencial para ter dias de maior qualidade e produtividade no trabalho.

Um sistema de gestão que conecta as áreas da sua empresa: do financeiro ao comercial

A motivação segundo Maslow

Já falamos aqui no blog, em diferentes oportunidades, que a motivação é importante para que sejam alcançados os resultados estabelecidos como metas para o negócio. Geralmente, dinâmicas com esse objetivo abordam a equipe de vendas, mas a verdade é que toda a empresa pode se beneficiar desse processo.

Para entender melhor como ela se reflete no ambiente organizacional, vale conhecer o que o psicólogo americano Abraham Maslow propõe sobre o tema. A motivação segundo Maslow parte do atendimento a necessidades próprias de cada pessoa, mas que respeitam uma determinada escala, começando por aquilo que é mais básico para sua sobrevivência.

No sua proposição, só quando esse básico é preenchido é que um segundo grupo de necessidades, estas secundárias, passa a ser priorizado. E esse movimento segue até chegar à última das cinco escalas estabelecidas por ele, no topo da sua Teoria das Necessidades Humanas, mais conhecida como Pirâmide de Maslow.

O formato de pirâmide respeita essa hierarquia de necessidades. Em sua base, está justamente aquilo que é mais importante para o ser humano, que consiste no atendimento às suas exigências de saúde e de bem-estar.

Para entender melhor, vale conferir cada uma das divisões dessa pirâmide:

piramide-de-maslow.png

Através do modelo de pirâmide, Maslow propõe que a motivação humana vem da busca ao atendimento dessas necessidades. Isso significa, por exemplo, que não haveria como motivar-se a ser mais criativo se o indivíduo ainda não satisfez ao menos em parte as necessidades anteriores de confiança e autoestima. Da mesma forma, pode faltar motivação para os relacionamentos pessoais naquele que se vê inseguro, sem emprego e sem dinheiro.

Através desses exemplos, fica claro que o que irá determinar qual é a prioridade do momento é a própria realidade em que a pessoa vive, com as atuais vivências.

A Pirâmide de Maslow na sua empresa

Até aqui, a Pirâmide de Maslow parece se aplicar mais à vida pessoal do que profissional. Mas vale refletir um pouco mais sobre o modelo, para entender de que forma ele afeta o cotidiano do empreendedor e de seus colaboradores.

Você certamente já ouviu (e talvez tenha até dito) que problemas pessoais não devem ser levados para o trabalho e vice-versa. Mas como esperar dos funcionários e de você mesmo soluções criativas e inovadoras se não dormiu à noite, se há dívidas financeiras importantes, se houve uma briga séria em casa e se tudo isso abalou a confiança em si?

Perceba no exemplo que há situações que afetam as quatro primeiras necessidades propostas no modelo de Maslow. Não é de se surpreender que a pessoa nessa condição se encontre desmotivada e que isso a torne menos produtiva no trabalho.

Já temos aí um desafio para a área de recursos humanos atacar: identificar o problema e reverter a condição para que todos se encontrem mais motivados, felizes, satisfeitos e confiantes para exercer suas tarefas da melhor forma possível.

Mas a sua empresa é tão pequena que não possui um departamento, sequer uma área voltada à gestão de pessoas? Saber ouvir o funcionário, abrir espaço para ele falar e ter a sensibilidade de absorver as suas colocações e refletir sobre elas é um passo importante para diagnosticar quando algo não vai bem e afeta a produtividade do negócio.

Um modelo de pirâmide adaptada

Pode ficar mais fácil identificar se alguma das necessidades primárias de seus colaboradores não está sendo atendida. Para isso, basta adaptar o modelo de Maslow, incluindo na pirâmide aspectos relacionados ao trabalho. Vamos conferir como ficaria com alguns exemplos:

Necessidades fisiológicas

Jornada de trabalho compatível, horários flexíveis, intervalos, cuidados de conforto físico e térmico.

Necessidades de segurança

Salário compatível, recursos para cobrir as despesas básicas, estabilidade no emprego, condições seguras para exercer a profissão.

Necessidades sociais

Bom relacionamento com colegas, gestores e clientes, desfrutar de um ambiente agradável, sentir-se acolhido e fazer amigos no trabalho.

Necessidades de estima

Plano de carreira, oportunidades de crescimento, receber avaliações (feedback) e ser reconhecido.

Necessidades de autorrealização

Participação nos resultados da empresa, autonomia para executar tarefas, possibilidade de inovar, criar e sugerir, exercer influência nas decisões gerenciais.

Ficou mais fácil identificar as necessidades primárias e secundárias em sua empresa? É interessante realizar essa reflexão, especialmente se você se pergunta por que os resultados estão abaixo do esperado.

Ainda que você ofereça um bom salário e benefícios, seu colaborador pode estar frustrado por não ter flexibilidade nos horários, o que o desmotiva a vir trabalhar. Se individualmente isso é ruim, imagine quando o problema é percebido da mesma forma pela maioria do grupo?

Nessa avaliação, é importante entender ainda o momento do funcionário. Como destacamos anteriormente, é ele que definirá qual será a prioridade.

Para compreender melhor, basta uma comparação entre um jovem estagiário e um veterano com grande bagagem profissional. Enquanto o primeiro se motiva em atender a necessidades mais básicas, como ter um salário e ganhar experiência, o segundo tem outras lacunas a preencher, vendo sua participação nas decisões e resultados do negócio como um estímulo importante.

Olhe para a sua equipe

Agora que conhece a teoria sobre a pirâmide e as ideias de motivação segundo Maslow, pode olhar para a sua equipe com maior atenção, identificando em que momento está o seu colaborador e aquilo que necessita. A partir daí, cabe elaborar uma estratégia pensada em promover a satisfação da equipe, tendo a certeza de que isso influenciará no desempenho da empresa.

Por menor que seja o seu negócio, ainda que tenha apenas um funcionário, tenha a consciência de que o seu êxito passa também pelo sucesso dele. Seu time é o seu patrimônio. Que tal dar a ele o que mais necessita?

Modelo de Planejamento de Marketing  Disponibilizamos este guia para auxiliar no trabalho de marketing da sua  empresa Baixar o guia agora

Você já aplicou a proposta da Pirâmide de Maslow na sua empresa? Comente!

Quer ter acesso a
materiais gratuitos?

 
<https://cta-service-cms2.hubspot.com/ctas/v2/public/cs/c/?cta_guid=50ebdc92-329a-40a1-9caf-fa81543a8adc&placement_guid=2fe57723-5fb5-47c5-b9eb-e06d10883d31&portal_id=652034&redirect_url=APefjpH-sJodulB40LkLn3KOdjabGsRQrvD-UzG_-mxgFGYOQY7Pax91wMczwqC9tjy6OjwX00HU_Bo7PUPMr5BIKOv40gMMcHS86PIGVrS7qRooJBOJ-7oexC4LmqeY82ilgISiw_vgWj_M6UrXXz1MrtJWPp1fCkV3L8k9Z1TtKD_8zvHbHbmBJ-eUK8zfoV_QfTmHP_eg4dFVeSu30yynTNlUDR2aWCt8pi1edP5oHylON5s64GfVFnCwR305nirbsqyzLULbK7y2JSzUtMlN7fQ4XNMBWGbmU8axTsYxArQmFT5Bef95SSu6-RPgLNW5AplENu_zmV3QuRJ6K_Gd5RpBPj09UQ&hsutk=69c6ede4c71301f633be694182efeb4b&canon=https%3A%2F%2Fblog.contaazul.com%2Fo-que-e-pro-labore-ab&click=2a99f1b9-eb95-4503-bbbb-7be3d73be873&pageId=5442744710&__hstc=99675841.69c6ede4c71301f633be694182efeb4b.1512590389679.1512590389679.1512647250062.2&__hssc=99675841.7.1512647250062&__hsfp=1187972499>  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   ContaAzul é o sistema de gestão online  para você organizar sua empresa   <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>  Quero Saber Mais  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   Experimente Grátis <https://contaazul.com/cadastro/>