Descubra como vender mais no Dia dos Namorados 2016

iStock_64341803_MEDIUM.jpg

As datas comemorativas são poderosas para ajudar você a fechar as contas no azul. Então, nada melhor do que aproveitar uma ocasião como o Dia dos Namorados para vender mais. Empresas do comércio e de serviços entendem bem essa oportunidade, traduzida em pesquisa de Fecomércio-MG (Federação de Comércio de Bens e Serviços e Turismo de Minas Gerais), de janeiro de 2016. De acordo com o estudo, o dia 12 de junho é a segunda ocasião em que as vendas mais se aquecem no primeiro semestre, ficando atrás apenas do Dia das Mães (em maio).

ContaAzul é um sistema para sua empresa vender melhor e receber mais rápido

Dia dos namorados 2016: aumente suas vendas

Um dos grandes desafios de qualquer empreendedor é superar-se constantemente nas vendas. Diversos fatores, como a situação econômica do país ou a alta concorrência, por exemplo, interferem direta ou indiretamente no sucesso das estratégias planejadas para conquistar esse objetivo e, por isso, aproveitar as sazonalidades para fechar novos negócios é uma oportunidade e tanto!

Para auxiliá-lo a aproveitar a data mais apaixonada do ano para fazer novos negócios, ampliar a rede de relacionamento com seus clientes e fortalecer sua empresa, elencamos quatro dicas valiosas. Olha só:

1. Aproveite a sazonalidade

Como você sabe, períodos de sazonalidade apresentam grande variação da demanda e representam, ao mesmo tempo, desafios e oportunidades para a sua empresa. Isso porque nestes momentos os consumidores estão dispostos a gastar mais, porém, precisam de uma boa razão para decidirem entre você ou o seu concorrente. Seja para um evento, seja para uma data comemorativa, como é o caso do Dia dos Namorados, é necessário ter muita atenção e planejamento para evitar dor de cabeça e, principalmente, prejuízos.

2. Planejar é preciso!

Para fazer um planejamento adequado, alguns pontos importantes devem ser considerados:

  • Gestão de estoque: não espere a proximidade da data especial para fazer pedidos e reforçar o estoque. Você entende do seu negócio melhor do que ninguém e sabe como foram as vendas do ano anterior. Então, faça uma análise comparativa em relação aos períodos passados e crie uma média para determinar de quanto deve ser esse reforço de mercadorias. Assim, conseguirá se programar, comprar antecipadamente, conseguir descontos com fornecedores e, ainda, evitar que faltem produtos ou que eles fiquem encalhados na sua loja.
  • Definição de política de troca e condições de pagamento: quando falamos de produto, é de extrema importância estipular uma política de troca para evitar confusões futuras. É indicado, também, oferecer condições diferenciadas de pagamento, seja com descontos para compras à vista, seja com parcelamento para compras a prazo. Com tudo definido, certifique-se de que seu time de vendas esteja ciente e preparado para informar corretamente os clientes.
  • Promoções: devem ser muito bem articuladas para não dar aquele famoso “tiro no pé”. Não adianta sair por aí diminuindo o preço de todos os produtos ou, muito menos, fazer a venda pela metade do dobro. Aproveite o momento e e faça promoções inteligentes, que não enganem o consumidor e, é claro, que não prejudiquem a saúde financeira do seu negócio. Lembra da gestão de estoque que falamos há pouco? Pois é, voltamos a ela aqui: analise seu estoque. Planeje uma boa liquidação para vender aquelas mercadorias que acabaram encalhando e não são mais novidades, trabalhe com desconto progressivo para fomentar mais vendas ou, ainda, um preço promocional em itens que são lançamentos, para emplacá-los de vez.

3. Encante seus clientes

Com as mercadorias em dia e todos os processos de venda bem definidos, está mais do que na hora de falarmos do atendimento aos clientes, que deve ser completo e atento às necessidades de cada um deles. Não esqueça que grande parte das experiências de compra são baseadas em como o consumidor é tratado. Então, coloque-se no lugar do seu público e transmita uma imagem positiva do seu negócio. Veja algumas dicas que são primordiais para isso:

  • Ser rápido e solícito com o cliente são características imprescindíveis para conquistá-lo;
  • É fundamental que o vendedor conheça a fundo os detalhes do produto ou serviço que está oferecendo para poder tirar todas as dúvidas e oferecer a melhor opção;
  • Prometa apenas o que você pode cumprir. Se o prazo de entrega de determinada mercadoria é de três dias úteis, por exemplo, certifique-se que o produto chegue até o consumidor dentro deste prazo. Caso algum imprevisto ocorra, entre em contato com o cliente e seja honesto, explicando os motivos para o atraso. Esse pode ser um grande diferencial em relação ao seu concorrente;
  • Na hora da venda, não apresse seu cliente para fechar negócio. Fique por perto para esclarecer eventuais dúvidas, mas deixe-o à vontade para decidir o momento de efetivar a compra;
  • Ao concluir a venda, peça alguns dados do seu consumidor, como data de aniversário, telefone e e-mail. Com essas informações em mãos, será viável manter um relacionamento com ele e fidelizá-lo à sua empresa, conforme entenderemos melhor adiante;
  • E lembre-se: o cliente é vital para o seu negócio. Então, trate-o da mesma maneira que você gostaria de ser atendido.

4. Clientes novos? Fidelize-os!

Tão importante quanto realizar novas vendas é manter um relacionamento com quem já comprou com você. É essa relação que o fará lembrar da sua marca e voltar a fechar negócio com a sua empresa, impactando positivamente nos seus lucros. Agora que já entendemos como encantar os clientes, vamos ver como garantir sua fidelização:

  • Conheça o seu cliente: ao desenvolver o hábito de guardar os dados do seu cliente, você terá uma poderosa ferramenta para alimentar o relacionamento com ele. Essas informações são essenciais para que você possa entendê-lo melhor e oferecer conteúdos e produtos que mais atendam às suas necessidades. Não como uma forma de ser invasivo ou inconveniente, mas realmente de uma maneira que o faça perceber que você lembra dele mesmo que não seja uma situação de venda, e que sua empresa sempre estará pronta para ajudá-lo. Neste sentido, a aproximação com o seu público ajuda muito os seus negócios. E é essa proximidade que vai permitir que escolham a sua marca mesmo nos momentos mais desafiadores. Além, é claro, de tratar o cliente de uma maneira diferenciada. Afinal, como já dissemos, ele é o seu maior tesouro.
  • Tenha canais de comunicação eficazes: é extremamente importante que cliente consiga entrar em contato com a sua empresa de maneira simples e acessível, sempre que precisar.  Você já ouviu falar em multicanais? Esta é uma tendência para o atendimento ao consumidor, pois que vai além das formas tradicionais, como telefone e e-mail, deixando a empresa à disposição também por chat online, redes sociais e até mesmo comunidades e fóruns. Aderir a essas mudanças significa preparar-se para o futuro.
  • Monitore: cada movimento do seu consumidor deve ser monitorado para que seja possível identificar oportunidades e saber a hora certa de chegar até ele com um novo produto. Ferramentas de CRM (Customer Relationship Management), por exemplo, são muito eficazes para esse acompanhamento. Elas permitem detalhar cada visita, pedido, preferência, além de obter dados pessoais do seu público. Quer dizer, você consegue organizar efetivamente todo o relacionamento com o cliente desde a fase de captação até a pós-venda.

Agora, mãos à obra! Coloque nossas dicas em prática e aproveite o Dia dos Namorados 2016 para vender ainda mais. Depois, compartilhe sua experiência conosco e, se tiver alguma dúvida, estamos à disposição para ajudá-lo. Bons negócios!

Planilha Controle de Vendas  Preparamos uma planilha para organizar o dia a dia das vendas no seu negócio Baixar a planilha agora

Quer ter acesso a
materiais gratuitos?