Segredos do marketing para varejo

Conheça os principais segredos do marketing para varejo

Você tem um comércio e ao redor há várias lojas como a sua. Por que o cliente vai escolher o seu estabelecimento e não o do concorrente? A resposta para essa pergunta depende de uma boa estratégia de marketing varejista. Além de atrair consumidores, seu planejamento pode ajudar a fidelizá-los.

Um sistema de gestão que conecta as áreas da sua empresa: do financeiro ao comercial

A importância do marketing no varejo

Marketing é coisa para empresa grande”. “Eu não tenho dinheiro para gastar com marketing”. “Mal tenho tempo para cuidar do negócio, como vou pensar em marketing?”. Se você atua no varejo e se identifica com alguma dessas frases, tem aí um dos motivos para o cliente preferir comprar no seu concorrente: ele não se sente atraído pela sua loja.

Elaborar uma estratégia de marketing varejista é etapa obrigatória para o seu pequeno negócio conquistar e reter clientes. E não estamos falando necessariamente de grandes investimentos em publicidade ou da promoção de eventos de alto custo e retorno imprevisível. O segredo está no planejamento, adequando as principais táticas ao seu perfil de empresa. Conheça algumas delas:

Preço

Como o marketing busca conquistar a satisfação do cliente, é natural que o preço seja usado como arma. Mas não entre em disputa com concorrentes sem conhecer sua margem de lucro. Pense em ações pontuais, como apresentar produtos “âncora”, que, por estarem abaixo do valor de mercado, atraem consumidores para a sua loja. Monte sua estratégia pensando também em descontos, concessões e condições de pagamento.

Publicidade e propaganda

Você pode apostar na divulgação massiva via televisão, rádio, jornais, revistas e outdoor de rua. A definição dos canais passa pelo orçamento disponível, o público que pretende atingir e seu planejamento (olha a palavra mágica aparecendo novamente). Mas vamos reforçar: não precisa gastar o que não tem em caixa. Seja criativo e melhore a organização dos produtos (experiência do cliente), o apelo visual (decoração) e o apelo sonoro (música ambiental).

Promoções e eventos

Promover eventos e ações diferenciadas servem como chamariz para o público conhecer ou retornar à loja. Vale apostar em iniciativas de interação, como convites para experimentar, degustar ou testar produtos. Promoções e concursos (com regras bem claras) também podem ser utilizados na estratégia, assim como a presença de uma celebridade (ajustada ao seu porte).

Meios online

Mesmo que você não conte com uma loja virtual, a internet vai ocupar fatia cada vez maior de seu orçamento de marketing. As possibilidades são muitas:

  • E-mail marketing: quando bem utilizado, funciona
  • Redes sociais: aposte na interação e no diálogo com os clientes
  • Marketing de conteúdo: produza conteúdo relacionado aos seus produtos para atrair clientes, especialmente se você tiver um canal de vendas online
  • Otimização para buscadores: não adianta ter um site se você não for encontrado no Google.

O que não pode faltar no marketing varejista

Seja qual for a estratégia de marketing escolhida para atrair e fidelizar clientes no varejo, há algumas etapas que não podem ficar de fora do seu planejamento para fazê-lo dar certo. Confira:

Conheça o cliente

Esse é o passo mais básico da sua estratégia de marketing, mas talvez seja o mais difícil. Afinal, a cada momento, o consumidor muda seus hábitos de compra, o que varia conforme sua idade, renda, instrução, valores e estilo de vida, entre outros aspectos. Com a velocidade atual das informações, o que ele procura hoje (e onde procura) pode mudar amanhã.

Eis aí seu primeiro desafio: conhecer e entender quem é o seu cliente, para depois pensar em uma estratégia especialmente voltada a ele.

Conheça o mercado

Assim como faz em relação ao cliente que visita a sua loja, é preciso estar atento aos movimentos do mercado e aos seus concorrentes. Lembre-se que eles enfrentam o mesmo desafio que você para se diferenciar na multidão varejista. Que ações eles adotam? No que tem tido mais sucesso que você? E onde eles têm errado?

Aqui, cabe conhecer o conceito de benchmarking, que nada mais é do que um processo de avaliação de concorrentes. Conte com os resultados de suas observações para qualificar suas práticas de marketing e vendas. Mas não custa lembrar: a ideia não é copiar, mas se diferenciar. O que você pode fazer melhor?

Conheça a si próprio

Anote aí: você só poderá conhecer seu cliente e seus concorrentes se entender o seu papel nesse disputado mercado. O que você vende, para quem vende e quais os objetivos da sua loja são perguntas que deve fazer. Se não pulou a etapa do planejamento do negócio, saberá as respostas.

É importante que tenha conhecimento sobre todas os processos da empresa, de operacionais a administrativos - o que será chave em uma futura definição de estratégias de marketing varejista.

Quais seus pontos fortes e fracos? E como tendências, quais são as oportunidades e as ameaças no seu caminho? Essas definições podem ser alcançadas ao aplicar a chamada Análise FOFA (ou SWOT, em inglês), uma ferramenta que permite a empresas de todo porte corrigir erros, reforçar acertos e melhorar resultados.

Envolva e deixe-se envolver

Assim que conhecer a si próprio, seu cliente e seus concorrentes, estará pronto para definir como se diferenciar e competir no mercado varejista. Para fazer a sua estratégia dar certo, seja qual for, é preciso que acredite e se dedique a ela. Mais do que isso: deve garantir que toda a equipe se envolva na ideia e não apenas quem atua diretamente nas vendas.

O conceito de endomarketing (ou marketing interno) se aplica muito bem a essa etapa. A atração e fidelização do cliente depende da sua satisfação, correto? Mas não há como alcançá-la se você e seus colaboradores não atuarem como um time motivado e falando a mesma língua. A sintonia nas ações será a responsável por trazer e manter o consumidor ativo na sua loja

Marketing eficaz exige monitoramento constante

Neste artigo, você conheceu algumas das boas estratégias de marketing aplicáveis a estabelecimentos que atuam no varejo. Viu também alguns aspectos que se colocam como chave para que seu planejamento dê certo. Ainda que siga tudo à risca, os resultados podem não vir. É aí que entra a nossa dica final: monitore as ações e faça ajustes quando necessários.

Se novos clientes não surgem, ou se os antigos não retornam, há algo errado no seu planejamento, que pode ter atingido o limite da atratividade. É por isso que o marketing eficaz depende de monitoramento e avaliação constantes. Afinal, como alertamos lá no início do texto, o consumidor muda muito rápido. Esteja atento e pronto para acompanhar seu ritmo.

Modelo de Planejamento de Marketing  Disponibilizamos este guia para auxiliar no trabalho de marketing da sua  empresa Baixar o guia agora

Gostou das dicas de marketing para o varejo? Compartilhe!

Quer ter acesso a
materiais gratuitos?

 
<https://cta-service-cms2.hubspot.com/ctas/v2/public/cs/c/?cta_guid=50ebdc92-329a-40a1-9caf-fa81543a8adc&placement_guid=2fe57723-5fb5-47c5-b9eb-e06d10883d31&portal_id=652034&redirect_url=APefjpH-sJodulB40LkLn3KOdjabGsRQrvD-UzG_-mxgFGYOQY7Pax91wMczwqC9tjy6OjwX00HU_Bo7PUPMr5BIKOv40gMMcHS86PIGVrS7qRooJBOJ-7oexC4LmqeY82ilgISiw_vgWj_M6UrXXz1MrtJWPp1fCkV3L8k9Z1TtKD_8zvHbHbmBJ-eUK8zfoV_QfTmHP_eg4dFVeSu30yynTNlUDR2aWCt8pi1edP5oHylON5s64GfVFnCwR305nirbsqyzLULbK7y2JSzUtMlN7fQ4XNMBWGbmU8axTsYxArQmFT5Bef95SSu6-RPgLNW5AplENu_zmV3QuRJ6K_Gd5RpBPj09UQ&hsutk=69c6ede4c71301f633be694182efeb4b&canon=https%3A%2F%2Fblog.contaazul.com%2Fo-que-e-pro-labore-ab&click=2a99f1b9-eb95-4503-bbbb-7be3d73be873&pageId=5442744710&__hstc=99675841.69c6ede4c71301f633be694182efeb4b.1512590389679.1512590389679.1512647250062.2&__hssc=99675841.7.1512647250062&__hsfp=1187972499>  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   ContaAzul é o sistema de gestão online  para você organizar sua empresa   <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>  Quero Saber Mais  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   Experimente Grátis <https://contaazul.com/cadastro/>