Metas e Indicadores:
tudo o que você precisa saber

Um dos assuntos mais falados no mundo de gestão corporativa talvez seja esse; metas e indicadores. Com um mercado cada vez mais competitivo, é muito importante estar por dentro de todas as novas metodologias para traçar estratégias efetivas.

Este artigo foi escrito pela Siteware em parceria com a Conta Azul.

Um dos assuntos mais falados no mundo de gestão corporativa talvez seja esse: metas e indicadores.

Com um mercado cada vez mais competitivo, é muito importante estar por dentro de todas as novas metodologias para traçar estratégias efetivas.

Por serem um conceito recente, que veio acompanhado da transformação digital, ainda existem muitas dificuldades e erros nas aplicações dessas ferramentas na prática.

Por isso, um bom gestor deve sempre manter atualizado sobre as tendências de gestão do mercado, para otimizar sua administração interna.

Tome decisões certas em sua empresa com os relatórios do ContaAzul, sistema de gestão completo

Seja qual for a metodologia de gestão que você escolha adotar, será necessário definir metas para seus colaboradores e medir o desempenho da empresa por meio de indicadores.

Afinal, o sucesso do negócio dificilmente será atingido se não houver um plano bem arquitetado para tal.

Para que você consiga obter maior sucesso no planejamento e acompanhamento da sua gestão, nesse post vamos falar tudo que você precisa saber sobre metas e indicadores.

Aqui, você vai encontrar:

  • A diferença entre metas e indicadores;
  • Como definir metas estratégicas;
  • Como alcançar suas metas;
  • Como usar indicadores de maneira eficiente;
  • Quais indicadores estratégicos utilizar;
  • e muito mais!

Boa leitura!

CAPÍTULO 1

Conceito de Metas e Indicadores

Os conceitos de metas, indicadores e objetivos são comumente confundidos por colaboradores e gerentes, prejudicando a eficácia das estratégias traçadas.

A diferença entre eles é bem simples e, entendendo de maneira correta essa distinção, você conseguirá visualizar suas estratégias com um olhar muito mais amplo e assertivo.

Basicamente, as metas são os valores que você deseja que seus indicadores atinjam. Dessa maneiras, as metas também podem ser vistas como uma materialização dos seus objetivos.

Por exemplo, vamos supor que o seu objetivo para o ano de 2020 seja de se tornar uma referência no mercado de atuação da sua empresa.

Com base nisso, você define a meta de conseguir 50 mil seguidores no Instagram e 500 mil de tráfego no seu site.objetivos-metas-indicadores-conta-azul-v1Aqui, temos claras as metas e objetivos e os indicadores escolhidos foram os seguidores e o tráfego do site.

Bem simples, não é mesmo?

Você define o que quer atingir, transforma esses objetivos em algo mais palpável (que são as metas), e mede o desempenho dos processos adotados por meio de indicadores de desempenho; que devem ser escolhidos de maneira estratégica, se adaptando a cada objetivo.

CAPÍTULO 2

Metas: como definir, acompanhar, cobrar e alcançar

Bem, primeiro vamos falar tudo que você possivelmente precisa saber sobre metas:

  • como definir
  • táticas para alcançá-las
  • como acompanhar
  • como cobrar elas de sua equipe

No fim, vamos até te dar uma planilha para ajudar nesse processo.

Então vamos lá?

O-QUE-SAO-METASComo definir metas
Existem diversas maneiras de definir metas, tudo depende muito do que você pretende alcançar e da metodologia de gestão que você está adotando.

Uma das táticas mais usadas e conhecidas para isso são as metas SMART. Esse método consiste, basicamente, em definir algo que seja específico, mensurável, atingível, relevante e temporal.

Mas o que isso significa?

Primeiro, é necessário ser específico: as metas definidas não podem ter duplo sentido, para que as pessoas saibam exatamente aquilo que estão buscando.

Além disso, nenhuma estratégia dá certo sem um bom acompanhamento. Por isso, é importante pensar em metas que possam ser medida de maneira clara. smartUm erro que a maioria das empresas cometem na hora de definir metas é se envolver muito na projeção de crescimento e acabar definindo metas muito irreais.

Por isso, procure sempre definir algo que seja estratégico para motivar as pessoas, mas que ao mesmo tempo seja alcançável. 

Para que a estratégia seja ainda mais efetiva, é importante definir metas relevantes.

Afinal, não vale a pena direcionar os esforços da sua equipe para algo que não seja uma chave importante no sucesso do negócio.

Por fim, é importante limitar o tempo dessas metas para que elas se estendam por muito tempo e acabem ocupando um tempo maior do que o necessário. 

Aqui, uma última dica é se basear no benchmarking para definir suas metas.

Saiba o que empresas do mesmo ramo estão almejando e use essa informação para traçar uma estratégia mais adaptada ao seu negócio.

ContaAzul é um sistema de gestão com controle de fluxo de caixa para sua empresaComo alcançar metas
Agora que gastamos muito tempo e energia é também necessário pensar em táticas para alcançar as metas alinhadas.

Pois bem, aqui é um momento que devemos tomar cuidado, não adianta gastar energia e esforços definindo metas com as quais você não vai se comprometer.

Por isso, certifique-se sempre de se manter comprometido com o que foi alinhado.

Caso ajude, coloque lembretes, um post-it na parede, o que for melhor para te fazer lembrar do que você está querendo atingir.

Outra estratégia que já se mostrou muito efetiva é a decomposição dos objetivos.

Caso a sua meta seja para entrega em um prazo muito longo, decomponha ela em pequenas entregas para que você não perca com outros objetivos ao longo do caminho.

Por fim, engaje sua equipe na perseguição das metas definidas.

Para isso, é importante fazer uma reunião de alinhamento em que todos sejam pelo menos um pouco na definição dos objetivos.

Afinal, sua equipe é o coração da operação e provavelmente a que será mais responsável por atingir a maior parte daquilo que foi definido.

Como cobrar metas e motivar sua equipe
Ainda um pouco nas estratégias de como alcançar metas, é necessário traçar uma maneira de cobrá-las da sua equipe.

Dessa maneira, isso não vai se tornar um processo agressivo, mas que motive a equipe a buscar os resultados cada vez mais. Assim, dinâmicas de grupo são uma ótima maneira de trabalhar essa motivação.

Primeiramente, uma das estratégias mais simples e mais utilizadas é fornecer um bom feedback para os seus colaboradores.

Assim, destaque os aspectos positivos que você tem observado, bem como os pontos que você acha que precisam de melhoria.

E, claro, tudo isso sempre alinhado com as metas que foram definidas. equipes-bem-sucedidasAlém disso, fornecendo esses feedbacks direcionados, você saberá exatamente quais são as melhores habilidades de cada um e poderá definir tarefas estrategicamente baseado nisso. 

Por fim, estimule um ambiente de trabalho positivo. Sua equipe não bateu meta? Calma, veja aqui o que fazer.

É humanamente impossível que uma pessoa aguente as cobranças e as pressões que recaem sobre toda equipe em um ambiente estressante.

Aqui, também é importante tomar cuidado para estimular a competição saudável e não algo que irá criar rivalidade entre os colaboradores.Um sistema de gestão que conecta as áreas da sua empresa: do financeiro ao comercial

Como acompanhar metas
Nesse ponto do planejamento você já deve entender bem que um bom acompanhamento de metas é essencial para que obtenhamos os resultados esperados.

Para isso, você pode contar com a ajuda de softwares para acompanhamento de metas, fazer uma planilha para essa finalidade, ou até mesmo baixar uma pronta.

Primeiramente, em uma determinada periodicidade decidida por você, veja se as metas estão sendo atingidas nos prazos estipulados.

De acordo com essa análise, mesmo se os projetos estejam dentro do planejado, você poderá pensar em ações para crescer ainda mais.

Caso sua análise mostre que os objetivos não estão sendo atingidos conforme alinhado, não motivo para desespero.

Existem diversas maneiras de identificar o que está causando esse desvio. Para isso, o ideal é que você utilize uma tática de estudo que seja compatível com a sua metodologia de gestão.

Algumas delas são:

ishikawa blog postPor fim, existe uma última ferramenta que pode ajudar não só na identificação da raiz do problema.

Ela também ajuda na criação de um plano de possíveis soluções para o problema. Ela é o ciclo PDCA (Plan, Do, Check, Act) e você pode descobrir tudo sobre ela clicando aqui.

CAPÍTULO 3

Indicadores: o que é, como fazer e algumas dicas

Agora, chegamos na parte que mais ajuda na parte estratégica da gestão do seu negócio: os indicadores de desempenho.

Basicamente, com eles, você vai medir melhor o desempenho dos resultados da empresa e traçar novos planos se baseando nisso.

Falamos muito de metas e de planejar o crescimento do negócio. No entanto, nada disso vai se tornar real sem um bom acompanhamento.

O que é gestão de indicadores e porque aplicar esse modelo
A gestão de indicadores em uma empresa consiste em acompanhar e monitorar os projetos e processos em andamento.

Para, assim, fazer uma gestão mais assertiva e se certificar que os resultado alcançados estejam bem alinhados com as metas que traçamos anteriormente.

Não é nada prático se manter em achismos ou parâmetros subjetivos para medir o sucesso (ou fracasso) das estratégias adotadas.

Por isso, os indicadores de desempenho vão ter ajudar a criar uma cultura de comunicação qualitativa e consequentemente mais estratégica.

Existem inúmeras razões para você adotar o modelo de gestão por indicadores. No entanto, a principal delas é que a maior parte do mercado já utiliza essa estratégia e, para se manter competitivo no mercado, você não pode ficar para trás.

Não é atoa que a maioria das empresas já adotam essa metodologia; ela vem se mostrando muito efetiva e vem afetando positivamente os resultados individuais e coletivos dos negócios.

O primeiro benefício que você irá perceber será a identificação fácil de pontos que precisam ser otimizados.

Por fim, caso todos os indicadores sejam utilizados e analisados da maneira correta, você terá uma visão macro do negócio, com insights muito valiosos.

Por exemplo, como um mesmo indicador pode valer e impactar diversas áreas, se tornando muito mais clara a relação estratégica entre elas.

Aqui, também é importante ressaltar a diferença entre indicadores de desempenho e KPIs (Key Performance Indicators).

Enquanto os indicadores são números mais básicos e quase que de uso obrigatório para o mercado como um todo, os KPIs serão indicadores estratégicos que você deve definir adaptados às necessidades do seu negócio.

Conta Azul Receba Fácil BoletoComo fazer a gestão de KPIs
Como você já deve imaginar, a gestão de KPIs não é um processo que deve ser isolado dentro da empresa.

Dessa maneira, ele deve estar alinhado com o planejamento estratégico de crescimento da empresa.

Após escolher os seus indicadores, é necessário sempre refletir se eles estão mensurando de forma efetiva os resultados que você pretendia alcançar.

Com isso, nesse momento, você precisará definir metas para os indicadores que você escolheu.

Aqui, é importante lembrar para você não deixar de considerar a relação existente entre diversos indicadores e como eles podem impactar os resultados entre si.

Por fim, faça o acompanhamento constante dos indicadores utilizando as dicas que demos na seção “Como acompanhar metas”.

Assim, além do acompanhamento você poderá otimizar processos internos, fazendo a correção dos desvios que agora serão facilmente identificáveis.

Uma excelente metodologia para fazer a gestão de KPIs é a OKR (Objectives and Key Results).

O modelo nasceu na Intel, hoje é amplamente utilizado pelo Google, é um modelo ágil com foco em resultados e você pode saber tudo sobre ele e como aplicar na sua empresa.

6-dicas-de-gestaoDicas para começar a adotar a gestão por indicadores
Para quem está começando agora a implantar a gestão por indicadores, existem algumas ações que você pode realizar para que esse processo seja mais tranquilo dentro da empresa.

Primeiramente, no momento de definir indicadores e traçar metas para eles, considere resultados passados.

É sempre importante pensar em parâmetros que estejam adequados à realidade da sua empresa. Afinal, não adianta gastar tempo e dinheiro em uma estratégia elaborada que não seja tangível.

Um erro muito comum que a maioria das empresas cometem é escolher muitos indicadores para medir os resultados.

A adoção excessiva de indicadores pode prejudicar sua gestão de maneira considerável, uma vez que o acompanhamento será muito difícil e você poderá perder o foco naquilo que realmente para o crescimento do negócio.

Por fim, envolva sua equipe nesse processo e seja transparente com eles.

Se possível, faça uma reunião periódica para mostrar a evolução dos indicadores escolhidos e mostre como o trabalho deles está gerando resultados que podem ser vistos e medidos.

Assim, sempre destaque como esses esforços estão refletindo positivamente no crescimento da empresa; é um técnica de motivação que pode dar muito certo.

definicao-de-estrategia

CAPÍTULO 4

Indicadores: quais são, como medir, e a relação com seus clientes 




Existem alguns indicadores que, independente do segmento da sua empresa, você precisa sempre ficar de olho, mesmo que eles não estejam diretamente alinhados com o planejamento estratégico da sua empresa.

Aqui, vamos citar quais são esses indicadores e ter dar uma breve explicação sobre eles: 

  • Receita: valor arrecadado com a venda dos produtos ou serviços. Impacta diretamente e significativamente indicadores estratégicos e por isso precisa estar em seu radar.
  • ROI: relação entre valor investido e retorno do capital sobre ele. É um ótimo indicador para otimizar a área orçamentária da empresa, mostrando exatamente quais são ações são realmente rentáveis ou não.
  • CAC: é o custo de aquisição de um cliente e está extremamente alinhado com os dois indicadores que citamos acima.
  • LTV: por sua vez, muito alinhado com o CAC, o LTV é o valor que um cliente gera para sua empresa em seu tempo de permanência como consumidor.
  • Taxa de Churn: é a taxa de cancelamento ou abandono dos clientes da empresa. Impacta diretamente o LTV e o CAC.
  • Base de clientes: um dos principais indicadores utilizados nas empresa. Necessário saber exatamente qual o tamanho da sua carteira de clientes e o quanto ela está crescendo em determinado X período de tempo.

Aqui, uma última dica é, além de saber as métricas da sua base de clientes, conheça bem o perfil dela.

Uma vez que você tem o perfil dos seus clientes traçados, se torna muito mais fácil traçar estratégias em parceria com o marketing para estimular o crescimento da sua carteira de clientes.

Planilha de custos de serviços  Calcule os custos dos serviços de forma mais simples Baixar a planilha agoraComo medir os seus indicadores
Bem, agora que você já sabe quais são os indicadores básicos e como funciona a gestão desses, vamos à parte prática.

Como já dissemos, o acompanhamento constante é um fator determinante no sucesso dessa estratégia e, para isso, você precisará medir seus indicadores da melhor maneira possível.

Primeiramente, faça comparações. Você pode ter escolhido os melhores indicadores e colocado metas inteligentes e alcançados elas, mas existem outros fatores a considerar.

Por exemplo, a diminuição da Taxa de Churn é um objetivo de muitas empresas, portanto, bem estratégico e uma ótima escolha.

No entanto, se a sua meta é diminuir seu Churn para 15% enquanto seus concorrentes estão com a meta de diminuir para 2%, você está ficando para trás.

Infelizmente, existem alguns indicadores que você não vai conseguir medir sozinho.

Questões que envolvem a satisfação dos clientes e o clima organizacional da empresa, precisam ser medidos através de pesquisas, que são um processo realmente complicado, mas muito necessário.

Principalmente as questões de satisfação do cliente é sempre bom estar de olho.

Isso porque pode ser que sua taxa de churn seja boa, mas uma insatisfação grande nos consumidores pode gerar uma previsão de cancelamentos futuros.

Por fim, para medir os indicadores você precisará trabalhar com planilhas de acompanhamento.

No entanto, a boa notícia é que existem muitos softwares que unificam todas essas informações em só local, facilitando muito a gestão e o acompanhamento dos indicadores escolhidos por você.

Você também pode contar com a ajuda de gráficos para medir seus indicadores.

São uma estratégia antiga e um pouco mais trabalhosa, mas são efetivos e, caso o orçamento da empresa ainda não permita a contratação de serviços para isso, será uma grande facilidade.

Conta Azul Receba Fácil Boleto
O cliente no centro da gestão por indicadores
Se você acha que a gestão por indicadores foca muito nos processos internos da empresa, nós agora vamos desmistificar esse pensamento.

Agora, nós vamos citar alguns indicadores para você fidelizar clientes e encantar ainda mais o seu público alvo. Confira:

  • NPS: o Net Promoter Score mede qual a probabilidade de atuais clientes indicarem o seu produto ou serviço para amigos e familiares. Mede de maneira efetiva a relação dos seus clientes com a sua marca.
  • CSAT: Customer Satisfaction Score mostra a satisfação dos clientes com aspectos específicos da empresa. Excelente para otimizar pontos positivos e consertar erros e possíveis insatisfações.
  • CES: o Customer Effort Score mostra quanto esforço o seu cliente teve que despender para resolver algum problema que ele teve com seu produto ou serviço. Assim, ótimo para medir o desempenho do atendimento e suporte da empresa.
  • CEV: o Costumer Emotional Value mede a satisfação do cliente em aspectos mais direcionado a questões emocionais. Ou seja, basicamente, o carinho que os clientes tem pela sua marca.

CAPÍTULO 5

Metas e indicadores na automatização de processos




A transformação digital já é uma realidade no mercado atual e, com isso, a automatização de processos se tornou uma tendência que cresce cada vez mais.

Nesse contexto, o uso das estratégias de metas e indicadores na sua gestão vai te ajudar muito a alcançar seus objetivos e se manter competitivo nesse mercado em que as tecnologias mudam de forma vertiginosa.

Esperamos que esse conteúdo tenha sido útil para você!

Tem alguma dúvida?

Deixe para a gente nos comentários!

Todos os direitos de algumas das imagens reservados a Siteware. 

Quer ter acesso a
materiais gratuitos?

 
<https://cta-service-cms2.hubspot.com/ctas/v2/public/cs/c/?cta_guid=50ebdc92-329a-40a1-9caf-fa81543a8adc&placement_guid=2fe57723-5fb5-47c5-b9eb-e06d10883d31&portal_id=652034&redirect_url=APefjpH-sJodulB40LkLn3KOdjabGsRQrvD-UzG_-mxgFGYOQY7Pax91wMczwqC9tjy6OjwX00HU_Bo7PUPMr5BIKOv40gMMcHS86PIGVrS7qRooJBOJ-7oexC4LmqeY82ilgISiw_vgWj_M6UrXXz1MrtJWPp1fCkV3L8k9Z1TtKD_8zvHbHbmBJ-eUK8zfoV_QfTmHP_eg4dFVeSu30yynTNlUDR2aWCt8pi1edP5oHylON5s64GfVFnCwR305nirbsqyzLULbK7y2JSzUtMlN7fQ4XNMBWGbmU8axTsYxArQmFT5Bef95SSu6-RPgLNW5AplENu_zmV3QuRJ6K_Gd5RpBPj09UQ&hsutk=69c6ede4c71301f633be694182efeb4b&canon=https%3A%2F%2Fblog.contaazul.com%2Fo-que-e-pro-labore-ab&click=2a99f1b9-eb95-4503-bbbb-7be3d73be873&pageId=5442744710&__hstc=99675841.69c6ede4c71301f633be694182efeb4b.1512590389679.1512590389679.1512647250062.2&__hssc=99675841.7.1512647250062&__hsfp=1187972499>  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   ContaAzul é o sistema de gestão online  para você organizar sua empresa   <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>  Quero Saber Mais  <https://experimente.contaazul.com/controle-financeiro/>   Experimente Grátis <https://contaazul.com/cadastro/>