DASN SIMEI 2018: passo a passo

Dasn SImei 2018

O DASN Simei é um compromisso anual do microempreendedor individual (MEI). Esse é o nome da declaração que informa o faturamento obtido no ano anterior. Se você tem dúvidas sobre o preenchimento, a entrega e os prazos para 2018, siga a leitura.

 Conecte-se a seus clientes  Ganhe produtividade em seu escritório com a integração contábil do ContaAzul  para Contadores Quero mais produtividade

O que é DASN SIMEI?

DASN SIMEI é a Declaração Anual do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual. É o documento que informa as receitas do ano anterior, ou seja, a declaração de faturamento.

Essa é uma das poucas obrigações fiscais do MEI. Inclusive, podemos dizer que é a principal delas, já que a sua entrega fora do prazo ou mesmo a não entrega acarreta em multas junto à Receita Federal.

Por meio da Lei Complementar nº 128/2008 que alterou a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa (Lei Complementar nº 123/2006) e criou o microempreendedor individual, muitos que trabalhavam como autônomos puderam formalizar o seu negócio e intensificar as oportunidades de crescimento.

Essas oportunidades são acompanhadas das exigências que se aplicam a um negócio formal. E entre elas, está a DASN SIMEI. A partir dela está a chance do governo ter mais visibilidade desse perfil de profissional, demandando assim a obrigação de envio de declarações para justificar o faturamento.

Quem precisa apresentar a DASN SIMEI?

Todo MEI que estava com o CNPJ ativo em 31 de dezembro de 2017 precisa entregar a DASN SIMEI 2018.

Ou seja, ainda que não tenha tido movimentação de compra e venda o período, a obrigação precisa ser enviada deixando o campo receita bruta zerada.

Mesmo quem não está em dia com o pagamento mensal de suas obrigações tributárias precisa fazer a declaração. Essa é uma ressalva importante, pois ainda é alto o número de MEIs que fazem o registro e deixam de cumprir com suas obrigações ao perceber que o negócio não está decolando.

Por sua vez, o MEI que está em atraso no envio das informações precisa, primeiramente, regularizar as declarações dos anos anteriores. Quem regularizou entre novembro e dezembro do ano base, também precisa realizar o envio dos dados na DASN SIMEI.

Na situação de extinção do MEI, ou cancelamento do CNPJ, o microempreendedor também deverá fazer a declaração. No entanto, o envio deve ser feito como situação especial.

Para esse caso, você poderá enviar os dados até o último dia do mês de junho, mas desde que a extinção tenha ocorrido no 1° quadrimestre do ano-calendário. Ou seja, para entregar nesse prazo, sua empresa deveria estar baixada até abril/2017.

Como fazer a declaração da DASN SIMEI

Para fazer a sua declaração DASN SIMEI 2018, basta seguir o passo a passo que elaboramos para você. Confira:

  • Acessar o site da DASN SIMEI junto ao portal da Receita Federal
  • Informe os dados necessários para fazer o login, que é o seu CNPJ e o preenchimento dos caracteres especiais
  • Na próxima tela, você deve selecionar o ano-base. Lembrando que a declaração é sempre realizada com relação ao ano anterior. Ou seja, para a DASN SIMEI 2018, o seu ano-base será 2017
  • A opção “Retificadora” deve ser preenchida apenas caso você já tenha entregue a declaração e precise alterar alguma informação
  • Informe a receita bruta total, ou seja, qual é a soma de todos os valores que você recebeu no ano anterior. Por isso, é muito importante fazer um controle financeiro e preencher mensalmente o relatório de receitas
  • Informe a receita bruta referente às atividades de transporte interestadual e intermunicipal, indústria e comércio, caso tenha ocorrido
  • Caso tenha contratado um empregado durante o ano-base da declaração, também será preciso informar
  • Ao final do processo, será possível visualizar o resumo das informações prestadas. Sempre confira para eliminar possíveis erros
  • Para finalizar, basta clicar no botão “Transmitir”. A declaração deve ser entregue em poucos segundos e, se tudo correu bem, você receberá a mensagem na tela informando sucesso no envio
  • Imprima o comprovante de envio para comprovar que a entrega foi realizada.

Como você pôde ver no passo a passo da DASN SIMEI, não há maior nível de complexidade no seu preenchimento e entrega. Especialmente para o microempreendedor que mantém as finanças organizadas durante o ano, esse é um compromisso fácil de realizar.

No entanto, ainda que não seja obrigado por lei, é válido contar com o apoio de um contador. Sobre isso, inclusive, você deve saber que a primeira vez em que essa declaração é entregue por um MEI, ele tem direito à assistência contábil gratuita.

Seja qual for o seu caso, não deixe de cumprir com a sua responsabilidade como dono de um negócio. Se você ainda não faz nenhum tipo de controle, baixe a nossa planilha de fluxo de caixa e comece a organizar suas finanças o quanto antes.

Atenção para os prazos da DASN SIMEI 2018

É sabido que precisamos lidar com várias responsabilidades, especialmente, quando se trata de uma empresa. Por isso, a dica é seguir a orientação anterior para eliminar as maiores dificuldades. Além disso, também é importante lembrar dos prazos.

A data limite estabelecida para fazer o envio da sua declaração DASN SIMEI foi definida como sendo o último dia do mês de maio, dia 31. Todos os anos, a data é a mesma. Então, não há justificativa para perder o prazo.

Pontos de atenção sobre a declaração

Como já destacado, somente é possível fazer o envio da DASN SIMEI 2018 por meio da internet.

Caso a entrega não seja feita, o empreendedor estará sujeito a multa de 2% ao mês sobre o valor de tributos devidos e contidos na declaração, mas limitando-se a 20%. Se for feita a regularização antes do recebimento da intimação, é aplicável redução de 50%. Além disso, se o valor for inferior a R$ 50, a multa mínima definida é R$ 50.

Para manter o seu negócio em conformidade com as questões tributárias, procure sempre ficar atento às obrigações e, em caso de dúvidas, procure a orientação de um contador. Garantir o envio no prazo e com as informações corretas na DASN SIMEI é essencial para não ter problemas futuros com o Fisco.

Guia da Nota Fiscal para MEI  Veja como a obrigação de alguns pode ser um diferencial competitivo para você. Baixe agora

Você já está preparando as informações para entregar sua Declaração Anual do Simples Nacional do MEI? Ficou com alguma dúvida? Comente!

Quer acesso a materiais gratuitos?

Junte-se a mais de 800 mil donos de negócio e receba gratuitamente
novidades e dicas sobre controle financeiro e gestão.

 
<https://cta-service-cms2.hubspot.com/ctas/v2/public/cs/c/?cta_guid=50ebdc92-329a-40a1-9caf-fa81543a8adc&placement_guid=2fe57723-5fb5-47c5-b9eb-e06d10883d31&portal_id=652034&redirect_url=APefjpH-sJodulB40LkLn3KOdjabGsRQrvD-UzG_-mxgFGYOQY7Pax91wMczwqC9tjy6OjwX00HU_Bo7PUPMr5BIKOv40gMMcHS86PIGVrS7qRooJBOJ-7oexC4LmqeY82ilgISiw_vgWj_M6UrXXz1MrtJWPp1fCkV3L8k9Z1TtKD_8zvHbHbmBJ-eUK8zfoV_QfTmHP_eg4dFVeSu30yynTNlUDR2aWCt8pi1edP5oHylON5s64GfVFnCwR305nirbsqyzLULbK7y2JSzUtMlN7fQ4XNMBWGbmU8axTsYxArQmFT5Bef95SSu6-RPgLNW5AplENu_zmV3QuRJ6K_Gd5RpBPj09UQ&hsutk=69c6ede4c71301f633be694182efeb4b&canon=https%3A%2F%2Fblog.contaazul.com%2Fo-que-e-pro-labore-ab&click=2a99f1b9-eb95-4503-bbbb-7be3d73be873&pageId=5442744710&__hstc=99675841.69c6ede4c71301f633be694182efeb4b.1512590389679.1512590389679.1512647250062.2&__hssc=99675841.7.1512647250062&__hsfp=1187972499>  <https://contaazul.com/funcionalidades/controle-financeiro/>   ContaAzul é o sistema de gestão online   para você organizar sua empresa   <https://contaazul.com/funcionalidades/controle-financeiro/>  Quero Saber Mais  <https://contaazul.com/funcionalidades/controle-financeiro/>  Experimente Grátis <https://contaazul.com/cadastro/>