Contabilidade

Terceirização de serviços contábeis ou franquia de contabilidade: o que é melhor?

Equipe Conta Azul Equipe Conta Azul | Atualizado em: 27/06/2023 | 7 mins de leitura

Pesquisando sobre as diferenças entre terceirização de serviços contábeis e franquia de contabilidade?

Então, você encontrou o artigo que vai esclarecer suas dúvidas.

Tanto a franquia quanto a terceirização são modelos de negócio que têm ganhado espaço no universo da contabilidade, um setor com infindáveis oportunidades e em constante transformação.

Escolher entre um e outro depende do seu propósito enquanto empresário contábil.

Seu problema é com processos rotineiros que estão ofuscando a criatividade e a produtividade? Ou você está interessado em abrir um escritório de contabilidade, valendo-se de uma marca já consolidada?

Pois saiba que terceirização de serviços contábeis e franquia de contabilidade servem a propósitos diferentes, dentro de contextos diferentes.

Para descobrir qual se adequa melhor a sua realidade, acompanhe os tópicos a seguir.

Terceirização de serviços contábeis x franquia: 9 diferenças

Antes de falarmos das diferenças, vamos entender o significado de terceirização de serviços contábeis e de franquia.

Terceirização de serviços contábeis é uma relação comercial que consiste na contratação de um terceiro para executar determinadas tarefas de sua empresa.

O contratado pode ser um escritório de contabilidade ou um profissional autônomo especializado.

A terceirização, ou outsourcing, é uma prática muito comum em empresas de qualquer segmento, válida, principalmente, para as atividades-meio.

Franquia, por outro lado, é um modelo de negócio replicável.

Ao abrir uma franquia de contabilidade, você adquire uma espécie de “clone” de um escritório que já existe, passando a usar sua marca, patente e know-how.

Quem adquire uma franquia (franqueado) assina um contrato com quem vende a franquia (franqueador) e segue uma série de regras de padronização daquele negócio.

A seguir, confira as principais diferenças entre terceirização de serviços contábeis e franquia:

Características de uma franquia de contabilidade

  1. Modelo de negócio regido por uma legislação específica (lei 8.955/1994, substituída pela lei 13.966/2019). A Lei das Franquias institui regras para a instalação de novas unidades da rede e estabelece quais informações o franqueado deve receber do franqueador
  2. Filiação opcional à Associação Brasileira de Franchising (ABF)
  3. Divulgação obrigatória de uma Circular de Oferta de Franquia (COF), documento disponível a todos os candidatos a franqueado, contendo diversas informações, como o tamanho do investimento para a abertura de uma franquia
  4. Custos obrigatórios, como taxa de franquia, royalties e fundo de marketing
  5. Uso da marca e da identidade visual do franqueador
  6. Adoção obrigatória de layout e padrões arquitetônicos nas instalações do franqueado
  7. Gestão padronizada, conforme as regras definidas pelo franqueador. Mesmo que o franqueado discorde da maneira como algum serviço é prestado, não tem liberdade para fazer diferente por força de contrato
  8. Localização geográfica limitada, muitas vezes forçada com base em critérios do franqueador
  9. Dificuldade em rescindir um contrato, podendo resultar em multas e outras penalidades. Em caso de rescisão, a justificativa precisa ser muito bem fundamentada.

Características da terceirização de serviços contábeis

  1. Relação comercial direta, sem lei específica, na qual contratante e contratado definem as próprias regras da relação de negócio.
  2. Redução de custos em estrutura de apoio e tecnologia, sem a necessidade obrigatória de filiação a entidades como a ABF
  3. Contrato particular entre contratante e contratado, com regras estabelecidas em comum acordo entre as partes, sem a necessidade de divulgação a outros que não participem da negociação
  4. Sem custos obrigatórios, como taxa de franquia, royalties e fundo de marketing
  5. Foco no serviço, mantendo independência de marcas, identidade visual e metodologias de trabalho
  6. Não há necessidade de padronização arquitetônica ou de layout da empresa contratada. O que importa é a capacidade de atendimento e a qualidade do serviço
  7. Gestão independente, desde que o trabalho seja prestado de maneira eficiente e satisfaça as expectativas do contratante
  8. Sem limitação geográfica, principalmente considerando as ferramentas tecnológicas que quebram a barreira espaço-tempo nos escritórios de contabilidade
  9. Facilidade em rescindir o contrato de prestação de serviços, já que as cláusulas são elaboradas em comum acordo, sem a necessidade de seguir regras específicas.

Terceirização ou franquia: qual o melhor modelo?

A resposta para essa questão é: depende!

Como você percebeu, há muitas diferenças entre terceirização de serviços contábeis e franquia.

A escolha entre um ou outro modelo de negócio vai depender de seus objetivos e metas enquanto profissional e empreendedor.

Quando a franquia de contabilidade faz sentido?

A franquia de contabilidade pode ser uma alternativa para quem pretende empreender, mas não quer começar sozinho do zero.

Ao adquirir uma franquia, o empresário se une a um negócio que já existe e passa a usar determinada marca e a seguir determinado modelo de gestão.

Franquia é sinônimo de padronização.

É preciso obedecer a uma série de limitações, e o contador precisa estar ciente disso.

Como vimos, há também custos extras, como pagamento de taxas, royalties e contribuições.

É importante ressaltar ainda que, embora o empreendedor possa ter apoio do franqueador, adquirir uma franquia não significa garantia de sucesso.

O empreendedor deve fazer um bom planejamento, dedicar-se com afinco à captação de clientes e prestar um serviço de qualidade se quiser se manter no mercado.

Quando optar pela terceirização de serviços contábeis?

Se você já tem um escritório de contabilidade, uma carteira diversificada de clientes e muito trabalho para processar, a terceirização de serviços contábeis pode ser uma ótima alternativa.

Diversas atividades operacionais, como tarefas rotineiras, burocráticas e repetitivas, podem ser delegadas a uma empresa especializada, abrindo espaço para a prestação de serviços que agregam mais valor.

A terceirização de serviços contábeis impacta positivamente seu escritório de contabilidade de diferentes maneiras.

A primeira delas é a redução de custos e despesas com estrutura e funcionários dedicados a atividades operacionais repetitivas e desgastantes.

Mas não para por aí!

Ao otimizar a rotina, você ganha mais tempo para se dedicar ao que realmente importa, tornando-se um contador consultivo e parceiro estratégico de seu cliente.

Vale ressaltar que, com o surgimento de novos negócios em razão da transformação digital, abriu-se um leque de novas oportunidades para o profissional contábil moderno.

As empresas demandam cada vez mais soluções inovadoras, e a consultoria estratégica do contador tem papel fundamental.

Portanto, além de reduzir gastos, a terceirização de serviços contábeis contribui para o aumento de receitas e de lucros do seu negócio.

Afinal, o trabalho de consultoria tem muito mais valor agregado do que simples demandas operacionais.

Gostou das dicas do artigo? Ficou interessado em reduzir gastos, valorizar sua marca e aumentar a rentabilidade de seu escritório?

Então, conheça as soluções da Fábrica de Contabilidade, parceira da Conta Azul e especialista em terceirização contábil. É a empresa ideal para terceirizar suas rotinas operacionais e oferecemos a assistência especializada de que seu escritório precisa.

Conheça também o programa de parceria da Conta Azul Mais para contadores e melhore a experiência dos seus clientes!

Leia também