Contabilidade

O que é análise de dados e como usá-la na contabilidade?

Equipe Conta Azul Equipe Conta Azul | Atualizado em: 27/06/2023 | 8 mins de leitura

Sobre o que estamos falando?

  • A análise de dados na contabilidade agrega mais valor aos serviços dos contadores. Assim, é possível conquistar mais clientes e aumentar o faturamento do escritório;
  • Entenda o que é análise de dados, quais os principais tipos e como aplicar essa técnica na sua empresa contábil;
  • Realize o sonho de ter um negócio bem-sucedido com a ajuda da Conta Azul: automatize os processos do seu escritório, dobre sua carteira de clientes e atenda todos com excelência!

O sonho de qualquer contador é conquistar bons resultados para seu escritório. Afinal, se o escritório contábil vai bem, sobra mais tempo e recursos para focar na parte estratégica. E para chegar a esse patamar, é fundamental que você atraia mais clientes e aumente o seu faturamento. Como fazer isso? Aplicando a análise de dados à contabilidade!

Convenhamos: o mercado está cheio de empresas contábeis fazendo a mesma coisa. Para que um cliente se torne fiel ao seu trabalho, apenas uma boa gestão financeira não é suficiente. É preciso agir diferente da concorrência, agregando valor aos serviços que o seu escritório de contabilidade oferece.

Hoje, é preciso ir além dos balancetes e oferecer soluções reais para os problemas das empresas que você atende. É aqui que entra a análise de dados na contabilidade, com insumos primordiais para que você possa atender seus clientes com uma postura consultiva.

Boa leitura!

O que é análise de dados?

A análise de dados é a interpretação das informações extraídas de um sistema. Seu objetivo é transformar números em inteligência para que as tomadas de decisão de qualquer profissional sejam mais assertivas.

Além disso, a análise de dados na contabilidade ajuda o contador a descobrir o que há por trás dos relatórios financeiros das empresas que atende.

Quer um exemplo?

Imagine que a Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) do seu cliente apresentou um resultado operacional bruto negativo. Comparando com os meses anteriores, você descobre que houve um aumento nas despesas relativas ao armazenamento de produtos.

Ao conversar com o empreendedor, você detecta ainda que a empresa está sofrendo com problemas devido à falta de controle no estoque e propõe que seja contratado um ERP.

Perceba nesse caso que, ao invés de simplesmente entregar um documento ao dono da empresa, foi adotada uma postura proativa. Essa é uma das principais características de um contador 4.0 de sucesso.

Conheça agora os principais tipos de análise de dados e suas aplicações na contabilidade!

Principais tipos de análise de dados

Descritiva 

Esse tipo de avaliação tem como foco descrever os dados gerados por uma empresa.

Na contabilidade, a análise de dados descritiva é expressa através dos relatórios de movimentações contábeis, como receitas, despesas, volume das vendas e estoque.

Diagnóstica

A análise diagnóstica explica a razão dos resultados na contabilidade do cliente.

Essa técnica identifica as relações entre causa e efeito nos acontecimentos contábeis de um negócio. É achar, por exemplo, os “porquês” de uma despesa mais alta.

Preditiva

Com base no histórico de dados da contabilidade de uma empresa por análise preditiva, o contador auxilia o cliente a prever os resultados dos próximos meses. Assim, ambos podem pensar em soluções para possíveis problemas, com tempo hábil para implantação.

Com a análise preditiva de dados, o contador já consegue identificar inconsistências financeiras e contábeis antes mesmo de finalizar a Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados (DLPA) do próximo exercício.

Prescritiva

Na análise de dados prescritiva, também considerando o histórico dos resultados do negócio, os contadores indicam ao empreendedor qual é o melhor caminho a ser tomado para alcançar seu objetivo.

Isso é muito útil para os clientes, pois não há necessidade de testar ou tomar decisões às cegas. Dessa forma, o empreendedor economiza tempo, dinheiro e energia. Veja todas as informações da empresa do seu cliente no Painel Conta Azul Mais!

Quero aplicar a análise de dados na contabilidade: como eu faço?

O primeiro passo para incorporar a análise de dados como um dos seus serviços é ter acesso aos dados das empresas que seu escritório atende. Para isso, nada de cadernos ou planilhas: somente através de um sistema de gestão é possível trabalhar com a análise de dados na contabilidade. Nem todo cliente já deu esse passo na tecnologia, e é o contador quem pode apresentar essa forma inovadora de monitorar o negócio.

Seja um parceiro Conta Azul: indique a plataforma para seus clientes e ganhe descontos!

4 benefícios inegáveis de usar a análise de dados em escritórios contábeis

Segundo o Portal da Transparência do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo (CRCSP), o Brasil conta hoje com mais de 520 mil contadores ativos e um total de 78.191 empresas contábeis.

Com a análise de dados na contabilidade, é possível se destacar nesse mercado tão amplo. Confira os principais benefícios dessa técnica:

#1 Você tem acesso a informações de qualidade

Os dados são os números brutos obtidos e as informações são os insights, ou seja, a interpretação desses resultados. Com a análise, é possível fazer comparações e encontrar relações entre o que está de fato acontecendo e os números encontrados. Assim, você, contador pode sugerir soluções mais assertivas para o negócio do cliente.

#2 Você passa a oferecer serviços personalizados

O atendimento personalizado é uma tendência em alta. Para você ter ideia, uma pesquisa do site E-commerce Brasil entrevistou mais de 13 mil pessoas, onde 51% delas afirmaram pagar mais caro por uma experiência totalmente exclusiva.

Com a análise de dados na contabilidade, o contador oferece a seus clientes serviços pensados individualmente. Isso acontece porque todas as soluções propostas partem do estudo do que acontece no negócio de cada empreendedor.

#3 Você se aproxima do seu cliente

O contador não é apenas um profissional que vende habilidades técnicas de prateleira. Qualquer profissional de contabilidade deve atuar como um verdadeiro conselheiro do dono do negócio! Mas para que isso aconteça, é preciso que você desenvolva uma relação de confiança com seu cliente.

Com a análise de dados, você consegue guiar seus clientes de forma cada vez mais assertiva, fortalecendo a sua comunicação.

#4 Você visualiza exatamente o que gera rentabilidade

Nem todos os produtos e/ou serviços que uma empresa oferece são rentáveis, e isso é ainda mais comum quando se tem um catálogo extenso.

Porém, nem sempre o empreendedor tem essa percepção. Em outros casos, ele acredita ainda que se deixar de vender um produto e/ou serviço vai perder dinheiro.

A análise de dados na contabilidade pode te apoiar na hora de indicar para o dono do negócio o que deixar de vender e no que investir para um retorno melhor.

o-que-analise-de-dados-e-como-usa-la-na-contabilidade1

Gerencie o seu escritório de Contabilidade com a Conta Azul

Como você viu, o uso da análise de dados na contabilidade tem o poder de destacar o seu escritório contábil no mercado, conquistando muito mais clientes. E para atender a todos com qualidade, é preciso estar preparado para suprir a nova demanda.

Encontre tudo o que você precisa na Conta Azul para trilhar essa jornada de sucesso

Com a Conta Azul Mais, plataforma de contabilidade da Conta Azul, você eleva o nível de produtividade do seu escritório. Além de um maior faturamento e clientes satisfeitos, você terá mais tempo para pensar em outros aspectos importantes da sua empresa contábil.

Com a Conta Azul Mais, você pode:

  • Eliminar os riscos de falhas e o retrabalho com a digitação de documentos;
  • Gerar o DAS individual ou em lote automaticamente;
  • Acessar os balancetes, gerar a DRE e emitir o livro razão com poucos cliques;
  • Fazer o fechamento da folha de pagamento com mais agilidade e sem erros, já que todos os parâmetros ficam salvos no ERP;
  • Emitir e exportar as notas fiscais de forma automática;
  • Acompanhar todas as movimentações financeiras dos clientes em tempo real;
  • Receber alertas das rotinas e pendências dos seus clientes.

Pensa que acabou? Ainda não!

Todos os contadores que usam a Conta Azul Mais têm acesso gratuitamente à Conta Azul Gestão Financeira. Com ela, você pode:

  • Controlar o recebimento dos honorários dos clientes, com integração no fluxo de caixa do escritório;
  • Fazer a conciliação fiscal e bancária automaticamente;
  • Gerar boletos através do Receba Fácil, onde o pagamento é feito apenas após a compensação;
  • Emitir as notas fiscais de serviço com baixa automática.

Achou interessante? Participe da Formação de Heróis da Conta Azul e capacite o seu escritório para atender mais de 50 clientes por contador!

Leia também