Como regularizar sua empresa? Tudo para começar o ano com o pé direito!

 

Sobre o que estamos falando:


  • Conheça as consequências de ter uma empresa irregular perante à Receita Federal e aprenda como consultar o status do seu CNPJ; 
  • Entenda como regularizar a situação do seu negócio, e quais são as vantagens de estar em dia;
  • A Conta Azul facilita a gestão de todos os processos do seu negócio como a emissão das notas fiscais, programar lembretes de pagamentos dos impostos e dar adeus aos problemas com a conciliação fiscal e bancária.

Experimente grátis a Conta Azul!

 

 

Com a chegada de 2022, além de traçar novas metas, é preciso saber como regularizar sua empresa. Sabia que se o seu CNPJ estiver irregular, você é impedido de emitir notas fiscais, pedir empréstimos, financiamentos e até movimentar contas bancárias? Pois é!

É preciso cumprir com todas as obrigações tributárias conforme o enquadramento da atividade do seu negócio para evitar multas e outros problemas com a Receita, além de fazer as vendas de forma legal.

Se você acha que o processo é muito burocrático, saiba que ele não é tão complicado assim e as vantagens de um negócio regular são inúmeras. Continue a leitura e descubra quais são elas! Neste conteúdo, confira os tópicos abaixo:

como-regularizar-sua-empresa-2

Como regularizar sua empresa e estar em dia para 2022? 

Quando você abre um CNPJ, mesmo que sua empresa não registre movimentação alguma, é necessário informar esse status. Ou seja, se for realizada venda, emissão de notas fiscais ou contratação de funcionários, a Receita precisa ficar sabendo. 

Conheça agora os conceitos de empresa inativa e sem movimentação e veja o que fazer para voltar a funcionar em ambas situações. 

Em caso de empresa inativa

Uma empresa é dada como inativa quando, durante o ano-calendário (ano em que os tributos deveriam ser pagos), não executou nenhum tipo de atividade operacional ou financeira. 

Para que a Receita reconheça a sua empresa como inativa, é necessário fazer a  Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais (DCTF) para comprovar a inatividade durante o ano-calendário.

Feito isso, alguns impostos mensais serão suspensos e você poderá seguir com as atividades da empresa assim que decidir. Porém, vale lembrar que o status da inatividade é válido por apenas 5 anos. Após isso, o CNPJ será cancelado. 

Em caso de empresa sem movimentação

São empresas  que, mesmo executando atividades operacionais, deixaram de registrar alguma movimentação financeira no ano-calendário vigente. 

Caso isso ocorra, ainda sim é necessário cumprir com todas as obrigações devidas nos meses sem movimentação. Do contrário, o CNPJ corre o risco de ser suspenso.

O contador é o melhor profissional para orientar você quanto às obrigações tributárias. A Conta Azul te ajuda a encontrar um profissional por perto. Clique aqui para fazer a busca!

Como saber se o seu CNPJ está irregular? 

Para saber a situação cadastral do seu CNPJ e emitir um comprovante, basta acessar a página de Emissão de Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral, disponibilizada pela Receita Federal exclusivamente para esse tipo de consulta.  

Você precisa apenas preencher o campo indicado com o número do seu CNPJ, sem ponto, barra ou traço. Depois, é só clicar em consultar. Automaticamente irá aparecer o Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral.

Ao final do documento, no campo “situação cadastral”, como o próprio nome já diz, você verá a situação da sua empresa perante à Receita, que poderá estar:

  • Ativa: apenas essa opção indica que a empresa está regular, ou seja, cumprindo com suas obrigações tributárias, com o cadastro em dia e podendo exercer as suas atividades;

  • Suspensa: a empresa está sob investigação por fraude, não cumpriu com o pagamento dos tributos na competência anterior ou apresenta divergências no cadastro junto à Receita;

  • Inapta: empresas que passaram mais de dois anos consecutivos sem cumprir com suas obrigações tributárias; 

  • Nulo: inconsistências no cadastro, como a duplicidade de inscrição municipal ou estadual;

  • Baixada: o CNPJ da empresa foi desativado por pedido do próprio empreendedor ou automaticamente (após 5 anos da empresa sem pagar tributos ou com problemas cadastrais não resolvidos).  

Com um ERP online, você consegue gerenciar o pagamento dos tributos e das demais contas. Assim, é possível evitar multas por atraso e manter a empresa regular. Por isso, confira também:

 

Quanto tempo leva para regularizar sua situação?

O prazo para regularização da empresa depende do status da sua situação cadastral na Receita.

Quando o CNPJ está inapto ou suspenso, você precisa conferir junto à Receita Federal quais são os documentos que precisam ser regularizados e pagar as multas devidas. O prazo para regularização é de, em média, 24 horas após a baixa do pagamento e análise dos documentos.  

Caso o seu CNPJ esteja baixado ou nulo, não será possível fazer a regularização e  reativá-lo. A saída é abrir uma nova empresa, com um novo CNPJ.

Sabia que você pode monitorar todas as movimentações financeiras da sua empresa através do celular? Clique aqui para conhecer o App Conta Azul de Bolso!

Principais vantagens de uma empresa regularizada 

 

Fique tranquilo em fiscalizações

Estando com as suas obrigações tributárias em dia, você não precisa se preocupar com o Fisco, fica livre das multas e não precisa se preocupar em ter a sua empresa fechada. 

Não será necessário também a correria e o estresse para regularizar tudo em cima da hora. Lembre-se que, nem sempre, há tempo ou dinheiro em caixa para regularizar tudo de uma vez. 

Feche novos contratos

Todo empreendedor tem o sonho de ver sua empresa crescer, concorda?

Para isso, é necessário tanto conquistar novos clientes, como também fechar novos contratos com outros parceiros do mercado. 

Ter um CNPJ regular é a condição indispensável para que a sua empresa prospere e aproveite todas essas oportunidades. 

Solicite empréstimos com taxas menores

Uma empresa regular tem acesso a crédito no mercado, podendo negociar prazos e taxas menores. Com um CNPJ irregular, você sentirá dificuldades até mesmo em conseguir dinheiro junto às instituições financeiras, mesmo que esteja disposto a pagar bem mais. 

Tenha uma boa imagem perante o cliente

Estando em dia com a Receita, você poderá emitir as notas fiscais normalmente, passando uma imagem de confiança e credibilidade.

Também não perderá vendas quando o cliente for uma pessoa jurídica, pois é comum que toda empresa, ao fazer uma compra, exija a nota fiscal para dar baixa no setor financeiro.

Quais são as consequências de ter um negócio irregular? 

Ter uma empresa irregular significa que ela não está com permissão da Receita Federal para funcionar. Essa situação pode acontecer por vários motivos e a falta de pagamento dos impostos é o principal deles. 

Divergência de endereços e omissão de informações também são causas do CNPJ irregular.

Acontece que essa irregularidade não fica apenas no papel e suas consequências prejudicam o desempenho das atividades do negócio. As principais são:

  • Não poder emitir notas fiscais;

  • Ficar impossibilitado de movimentar a conta bancária da empresa; 

  • Deixar de vender para pessoas jurídicas;

  • Perder o direito de solicitar a falência, recuperação judicial ou extrajudicial;

  • Não poder participar de licitações; 

  • Ter dificuldades em solicitar empréstimos e financiamentos. Muitas vezes, as propostas acabam não sendo nem aprovadas.

como-regularizar-sua-empresa-1

A Conta Azul te ajuda a ficar em dia com as obrigações tributárias! 

À medida que uma empresa cresce, as obrigações tributárias e a complexidade dos processos, como o controle financeiro e do estoque, também aumentam. 

Pensando nisso, foi criado um caminho para que você não se perca na gestão do negócio e monitore cada setor bem de perto: através do ERP Conta Azul!

Com a nossa plataforma, todas as áreas da sua empresa ficam integradas: assim que uma venda ocorre, a baixa é dada automaticamente no estoque, no financeiro e até na contabilidade. Para que a sua empresa fique sempre regularizada, ainda é possível programar lembretes para que você lembre de pagar os tributos em dia. 

E os benefícios do ERP Conta Azul não param por aí:

  • Faça o controle financeiro da sua empresa e monitore as entradas e saídas em tempo real; 

  • Emita notas fiscais com poucos cliques e importe os seus certificados A1 e A3. Inclusive, ganhe desconto de 36% na compra do A1 com a Conta Azul;

  • Dê adeus aos problemas com a conciliação bancária e fiscal, já que todo esse processo é feito de forma automática;

  • Cadastre uma única vez as informações dos seus clientes e fornecedores, eliminando a necessidade de digitação a cada emissão de nota; 

  • Acompanhe o estoque e receba notificações quando os itens atingirem as quantidades mínimas. 

Além disso, através do Receba Fácil da Conta Azul que simplifica seus recebimentos, você pode:

  • Receber com muito mais segurança via Pix Cobrança, enviando as cobranças com data de vencimento, multas e descontos;
  • Vender pela internet sem precisar de site, oferecer parcelamentos em até 12 vezes e receber todas as parcelas de uma vez, mesmo sem ter maquininha de cartão de crédito;
  • Emitir boletos e pagar a taxa de emissão apenas após a compensação de cada um.

Com a Conta Azul, tudo isso pode fazer parte da realidade da sua empresa, sem que você precise gastar muito. Não perca tempo! Clique aqui para experimentar grátis todas essas facilidades.

 

 

Newsletter

Quer ter acesso a
materiais gratuitos?