Institucional

Calculadora de precificação da Conta Azul ajuda empresas a definirem preços para a Black Friday

Equipe Conta Azul Equipe Conta Azul | Atualizado em: 13/11/2023 | 2 mins de leitura

Fazer uma precificação correta é um dos grandes desafios que os empreendedores enfrentam na gestão do negócio. Para auxiliá-los a definir preços competitivos e que gerem uma margem de lucro adequada em uma das datas mais estratégicas para o comércio mundial, a Conta Azul lançou a Calculadora de Precificação para a Black Friday.

Desenvolvida pela fintech, a ferramenta indica o preço ideal para os produtos após calcular os custos atrelados a eles, as despesas operacionais do negócio, eventuais gastos adicionais e a margem de lucro desejada. 

Após a inserção dos dados, a Calculadora de Precificação da Conta Azul faz as contas de forma automática, mostrando sempre um valor de venda que seja vantajoso para o orçamento. Para utilizar a solução, o administrador deve seguir quatro etapas fundamentais e indicar os valores atrelados à:

  1. Custos da compra ou confecção do produto – além do preço de custo unitário do item, o empreendedor deve somar as despesas com embalagem, preço de envio, impostos e o que mais estiver ligado à mercadoria.
  2. Valor das despesas operacionais – média dos custos fixos administrativos mensais (aluguel, luz, água, salários, etc.) em relação ao número de produtos vendidos no mês.
  3. Margem de lucro desejada – porcentagem de retorno que o empreendedor pretende obter com a venda do produto.
  4. Custos adicionais – se houver transações no cartão de crédito, PIX parcelado ou mensalidades de meios de pagamento, por exemplo.

A partir dos dados gerados, é possível planejar futuros descontos aplicados sobre o preço de venda. Com esse processo, o empreendedor garante uma margem de lucro saudável para o seu negócio.

Leia também