6 erros comuns de quem não sabe como fazer promoção

Sobre o que estamos falando?

  • Uma boa promoção de vendas não se resume apenas aos preços baixos. Ter um planejamento e entregar valor também fazem parte do processo;
  • Conheça os 6 erros mais comuns na hora de criar uma promoção de vendas e, porque é tão importante saber montar as suas ofertas.
  • Através da Conta Azul, você pode acompanhar os setores mais importantes da sua empresa, como vendas, estoque e fluxo de caixa, em tempo real e de onde estiver, pagando pouco.

Experimente grátis a Conta Azul!

 

 

 

Você costuma não ter retorno com as suas promoções? Recebe muitas reclamações de clientes insatisfeitos após a semana de ofertas?

Ou então, mesmo depois de aproveitarem as promoções, seus clientes não voltam? 

Se você respondeu sim, pode ser que você esteja cometendo alguns dos erros (bem comuns) que falaremos neste conteúdo.

A boa notícia é que também trazemos ideias de como evitá-los!

Aqui, você verá os seguintes tópicos:

Continue a leitura e prepare-se para faturar bastante com as suas promoções!

erros-comuns-de-quem-nao-sabe-como-fazer-promocao

É importante saber como fazer promoção

Preço baixo e qualidade não são mais suficientes para garantir que seu negócio fature mais durante uma promoção.

Hoje, o cliente espera algo mais e para atingir essas novas expectativas, fazer promoções de forma aleatória não é o melhor caminho. 

Assim, antes de reduzir o preço dos seus produtos e serviços pela metade, desenvolva uma boa estratégia, veja se é o momento certo, analise a concorrência e, principalmente, evite os erros que falaremos a seguir. 

6 erros comuns na hora criar uma promoção

  1. Não traçar um planejamento

O sucesso das suas promoções começa em bom planejamento. 

Sem ele, ao invés de ganhar dinheiro, você pode acabar perdendo tempo e tendo prejuízos com ofertas que não fazem muito sentido para os seus clientes. 

É com o planejamento que você consegue pensar com calma nas estratégias, garantir estoque, fazer uma boa divulgação e, até mesmo, testar o desempenho das ofertas em ações promocionais menores.

Dessa forma, com antecedência:

  • Defina um objetivo claro das suas ofertas;

  • Estipule os prazos para suas promoções. Sem datas definidas, você não consegue estimular o senso de urgência nos clientes, o que influencia bastante a compra por impulso; 

  • Verifique com seus fornecedores a disponibilidade de estoque;

  • Organize a sua equipe e, se necessário, faça até contratações extras para atender melhor a demanda. 


    2. Dizer o preço somente por mensagens privadas nas redes sociais -  inbox

“Preço por inbox.”

“Enviamos um direct com o preço.”

Se um cliente perguntou o preço ou mais informações de um produto ou serviço nos comentários das suas postagens nas redes sociais, responda ali!

Para começar, ao responder “preço por inbox”, você está omitindo uma informação importante sobre um produto ou serviço, o que é ilegal segundo o artigo 66º do Código de Defesa do Consumidor.

E, além disso, ao tirar uma dúvida de um seguidor nos comentários, você pode até estar “respondendo” mais de uma pessoa ao mesmo tempo: lembre-se que esse questionamento pode ser o mesmo de outros seguidores.

Com o Receba Fácil da Conta Azul, você pode vender online sem precisar de site. Entenda mais como funciona essa solução clicando aqui

   3. Não explicar políticas de troca


É muito comum que um cliente solicite a troca ou devolução de um produto um pouco chateado. 

Porém, quando explicado como o processo funciona antes, qual meio de comunicação ele pode recorrer, regras e condições, esse desconforto pode ser bem menor. 

Além disso, você pode aproveitar este momento para fidelizar, ou seja, conquistar o cliente. Uma boa dica é oferecer descontos em compras futuras ou um brinde, para que ele compre com você novamente. 

   4. Não deixar claro as condições de pagamento


Sabia que o cliente pode desistir de comprar com você simplesmente porque não entendeu ou não encontrou as informações relativas às formas de pagamento?

Por isso, sem letras pequenas, deixe claro:

  • Meios de pagamento aceitos (cartão de crédito, Pix, boleto bancário);

  • Número máximo de parcelas permitido;

  • Taxa de juros.

Lembrando que não é errado ou proibido dar um destaque maior para o preço à vista ou pagamentos via Pix, por exemplo, desde que todas essas outras informações estejam à disposição do cliente. 

Com a Conta Azul, você pode oferecer o parcelamento da compra em até 12 vezes e ainda receber as parcelas antecipadas, sem precisar de maquininha de cartão de crédito. Clique aqui para saber mais. 

   5. Forçar venda casada de produtos ou serviços


A venda casada ocorre quando a compra de um produto e/ou serviço é condicionada pela aquisição de outro produto e/ou serviço

O objetivo é fazer o cliente comprar mais, porém impondo que ele leve outros itens e/ou serviços.  Um exemplo clássico da venda casada é condicionar a compra de eletrodomésticos mediante, obrigatoriamente, a aquisição do serviço de garantia estendida. 

Essa prática, além de fazer com o que vários clientes desistam da compra, pode prejudicar a reputação da sua empresa, já que é considerada crime segundo a Lei nº 8.078 do Código de Defesa do Consumidor. 

   6. Não entregar valor para o cliente


Como já mencionamos no início desse conteúdo, preço baixo não é suficiente para que uma promoção tenha sucesso. 

É preciso ir além desse aspecto: ofereça um atendimento diferenciado, melhores condições de pagamento, descontos, frete grátis e até brindes, por exemplo. 

Com isso, além de conquistar o cliente, pensar no algo a mais que você pode oferecer ao cliente ajuda a diferenciar a sua empresa da concorrência.

erros-comuns-de-quem-nao-sabe-como-fazer-promocao-2

A Conta Azul ajuda você a gerenciar suas promoções de venda

As suas promoções podem ser um verdadeiro sucesso se você conseguir acompanhar de perto cada processo do seu negócio. E, com a Conta Azul, isso é possível!

O sistema ERP da Conta Azul centraliza as informações dos setores mais importantes da sua empresa, como vendas, estoque e fluxo de caixa em único local, tudo integrado ao financeiro e à contabilidade. 

Com a Conta Azul, você pode: 

  • Saber em tempo real a situação das suas vendas;

  • Definir e receber alertas das quantidades mínimas do seu estoque;

  • Parar de ter de tanto estresse com a conciliação financeira, já que tudo é feito de forma automática pela Conta Azul;

  • Emitir relatórios simples e fáceis de entender sobre todos os setores da empresa, como suas contas a receber, produtos mais vendidos e quantidade de cada item no estoque; 

  • Receber alertas automáticos sobre os vencimentos das suas contas a pagar e também das cobranças dos seus clientes, o que aumenta bastante suas chances de receber em dias; 

  • Salvar as informações dos seus clientes, desde o endereço até suas preferências e muito mais!

Além disso, o Receba Fácil, outra solução da Conta Azul, simplifica os seus recebimentos, seja via:

  • Pix Cobrança, onde você recebe via Pix com muito mais segurança e não se perde no extrato bancário da empresa;
  • Link de pagamento (cartão de crédito), para vender parcelado mesmo sem maquininha;
  • Boleto bancário, pagando a taxa de emissão somente após a compensação. 

E, o melhor de tudo, é que a Conta Azul cabe no seu bolso, pois foi feita para micro e pequenos empreendedores como você e é ideal para quem está começando agora!

Gostou? Se sim, clique aqui agora para experimentar todas essas facilidades da Conta Azul sem pagar nada!

 

Newsletter

Quer ter acesso a
materiais gratuitos?